Notícias Adventistas

Colégio Adventista de Sinop comemora 35 anos

Um culto de ações de graça foi realizado como parte das comemorações.

Por Dayane Nascimento 19 de março de 2015

Alunos cantam durante o culto de ações de graça, realizado na última sexta-feira (13).

Alunos cantam durante o culto de ações de graça, realizado na última sexta-feira (13). [Foto: Paulo Henrique Campos]

Cuiabá, MT… [ASN] O Colégio Adventista de Sinop (CASIP) completa 35 anos em 2015. Como parte das comemorações, um culto de ações de graça foi realizado na última sexta-feira (13). “É um marco muito importante para nós. Especialmente porque observamos que a comunidade tem valorizado esse trabalho”, destaca Cláudia Miranda, diretora da unidade. “Manter uma escola no interior do estado não é algo simples. Mas vê-la crescendo e a sociedade buscando-a constantemente, nos traz um espírito de gratidão”, pontua Harryson Kerschner Julio dos Reis, diretor do Departamento de Educação da Sede Administrativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia em Mato Grosso (AMT).

A trajetória de sucesso do CASIP se confunde com a história da cidade, que tem 41 anos de fundação, e com a de centenas de pessoas que por ali passaram. João Enéias Darci de Souza estudou no colégio em 1981 e hoje sua filha também é aluna. “Faço parte dessa história e ter minha filha estudando aqui é um privilégio, pois a escola é um símbolo para a educação de Sinop.”

Para a secretária de Meio Ambiente, Cristina Ferri, o CASIP contribuiu para a formação de cidadãos do município. “Os alunos tornam-se formadores de opinião. Hoje alguns já são empresários, pais, mães, avós… Sem falar que a educação oferecida é inter e multidisciplinar, auxiliando a lidar com os próprios conflitos, sem esquecer-se de Deus”. Ariane Gonçalves Imolas é aluna da unidade há três anos e faz planos para o futuro. “Fico feliz de poder participar desse momento e comemorar os 35 anos do colégio. Com certeza meus filhos irão estudar aqui também”.

Mato Grosso conta hoje com sete escolas, mais de quatro mil alunos e 215 professores. Para o Pastor Régerson Molitor da Silva, a escola adventista tem quebrado muitas barreiras dentro da comunidade. “O nome Igreja Adventista do Sétimo Dia acaba sendo divulgado graças ao trabalho que as escolas têm feito ao longo dos anos, como é o caso do CASIP. Essa parceria igreja e educação é um sucesso, afinal de contas o objetivo de ambos é preparar cidadãos para o céu”.

Confira a reportagem em vídeo

[Equipe ASN, Dayane Nascimento]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox