Notícias Adventistas

Alunos levam para casa as hortaliças que eles mesmos plantaram

As crianças da Educação Infantil da Escola Adventista de Ilhéus cultivaram temperos por 1 mês

Por Evellin Fagundes 22 de novembro de 2019

Os alunos da Educação Infantil cultivaram hortaliças até o momento da colheita

Com o crescimento do uso de dispositivos tecnológicos com telas (celulares, tablets, tvs, etc.) e com ambientes cada vez mais cercados por paredes e telhados, para as crianças, o hábito de brincar de forma fisicamente ativa e o contato com a natureza têm sido mais restritos.

Segundo o manual de orientação sobre os “Benefícios da Natureza no Desenvolvimento de Crianças e Adolescentes” publicado este ano pela Sociedade Brasileira de Pediatria em parceria com o Instituto Alana, a prática de brincar, sendo que a natureza é um espaço privilegiado para isso, ajuda até no desenvolvimento cognitivo. “Brincar com brinquedos tradicionais (versus eletrônicos, principalmente os não-interativos) está associado a aumento qualitativo e quantitativo da aquisição de linguagem. Por outro lado, há estudos associando a falta de brincar com aumento da prevalência de estresse tóxico e de transtornos comportamentais”, aponta.

Os alunos tiveram a oportunidade de levar as hortaliças para casa

O documento ainda afirma que as escolas podem colaborar positivamente, criando oportunidades para que as crianças interajam ao ar livre e uma das sugestões é inseri-las no processo de plantio e colheita de alimentos. Foi neste sentido que a Escola Adventista de Ilhéus criou o “Espaço Maker de Jardinagem”, aliado ao ensino sobre alimentação saudável. “Com esse novo espaço, nosso objetivo é sensibilizar e conscientizar as crianças de que cada cidadão é responsável pelo meio ambiente. Desta forma, despertamos também o interesse das crianças pelo cultivo da horta, dando oportunidade aos alunos de aprender a cultivar plantas e utilizá-las numa alimentação saudável, deliciosa e nutritiva”, explicou a diretora, Maianna Oliveira.

As hortaliças plantadas pelos alunos foram levadas para casa para serem utilizadas na alimentação

O novo ambiente foi inaugurado em outubro, quando alunos da Educação Infantil, acompanhados dos professores, plantaram e aprenderam a cuidar das hortaliças. Em novembro, já tiveram a oportunidade de colher os temperos cultivados por eles e levar para casa para serem utilizados na alimentação. Larissa Brito, mãe do aluno Nicolas, achou a iniciativa bem interessante. “Amei a ideia da horta. Dá pra fazer muitas atividades importantes, ensinar que os alimentos não vêm do mercado, ensinar a comer bem, comida de verdade, ensinar a plantar e etc. Só tem a enriquecer o trabalho. Achei o máximo eles colherem e levarem para casa o que plantaram”, falou.

Veja mais algumas fotos:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox