Notícias Adventistas

Alunos do Colégio Adventista são medalhistas de prata em competição internacional de matemática

6 de outubro de 2016
_mg_8071

Cerca de 50 alunos receberam a medalha de prata no CAdI

Salvador, BA …[ASN] Os alunos do 9º ano do Colégio Adventista de Itapagipe – CAdI encheram de orgulho pais, professores e funcionários da instituição. É que eles conquistaram a medalha de prata na Olimpíada Internacional de Matemática Sem Fronteiras 2016. A premiação aconteceu no dia 04 de outubro. Participaram estudantes do ensino fundamental e médio, o que ajudou a promover o interesse pela matemática e trabalho em equipe. Os alunos do 5º ano foram homenageados com menção honrosa. Na Bahia, apenas dois colégios alcançaram o segundo lugar: o Sartre COC e o CAdI. Outras unidades da Rede Adventista de Educação em Salvador também foram premiadas, mas conquistaram a medalha de bronze.

A aluna Alana Barral é uma das medalhistas. Segundo ela, essa foi uma conquista muito importante. “Com essa olimpíada pude trabalhar em equipe, junto com meus colegas, muitos dos quais convivo desde a educação infantil. Estou muito feliz em poder carregar essa medalha no peito. Isso significa que estamos entre os melhores alunos do mundo”, revelou Alana, 9ºano.

A professora de matemática da turma, Luciana Marques, sempre buscou incentivar os alunos durante a competição. “O que me deixou muito feliz foi ver a confiança que eles estavam sentindo ao realizarem a prova. Eles tinham convicção das respostas, sabiam que conseguiriam chegar ao objetivo”, acrescentou Luciana.

_mg_8086

Equipe da Educação Adventista estimula o estudo da matemática

Segundo dados divulgados na internet, mais de 50 mil estudantes de quase mil escolas públicas e privadas de todos os estados brasileiros e do Distrito Federal participaram da 6ª. edição brasileira da Olimpíada Internacional Matemática sem Fronteiras. Foram mais de 4000 grupos participantes, com 82 medalhas de ouro, 190 medalhas de prata e 354 medalhas de bronze distribuídas.

A Olimpíada Internacional de Matemática Sem Fronteiras (MSF) é uma competição em equipes e interclasses para estudantes do ensino fundamental e médio. Essa olimpíada é uma seção brasileira do evento internacional Mathématiques sans Fronteiras criado nos anos 90, pela Académie de Strasborg, juntamente com outras instituições francesas. Aqui no Brasil, a olimpíada é organizada pela Rede POC – Rede do Programa de Olimpíadas do Conhecimento, programa de intercâmbio científico que tem o objetivo de estimular o interesse entre os estudantes pela inovação, pela ciência e tecnologia. Há um apoio do consulado francês em São Paulo e de outras entidades.

Visando potencializar o ensino da matemática nas instituições adventistas na Grande Salvador, os professores Rodrigo Silva e Wesley Oliveira, juntamente com a coordenação pedagógica da Rede Adventista de Educação, desenvolveram as Olimpíadas de Matemática da Associação Bahia – OMAB. Para Rodrigo, a Educação Adventista se diferencia principalmente pelo preparo acadêmico em conformidade com os princípios cristãos. “Ensinamos muito mais que matemática ou qualquer outro componente curricular, ensinamos valores e apresentamos a fonte de toda a sabedoria, Deus”. Já o professor Wesley de Oliveira, explica que a Escola Adventista além de se preocupar com o ensino e desafios que as ciências traz a cada dia, observa, principalmente, a formação do caráter. “A formação de um ser social que se preocupa com o global, sem menosprezar a relação interpessoal, na preocupação com o próximo, no bem-estar de todos, na inclusão social, pensando também no bem-estar físico, moral, intelectual e espiritual. Por isso, uma escola completa”.

O resultado da Olimpíada de Matemática da Associação Bahia estará disponível em breve. [Equipe ASN, Monique dos Anjos]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox