Notícias Adventistas

Desbravadores

Campori capixaba abre em ritmo de celebração

Acampamento de desbravadores retorna após cinco anos sem o evento; assiste ao vídeo do primeiro dia


  • Compartilhar:
Clubes em ritmo de euforia no primeiro dia de Campori (Foto: Lauany Panfilo)

Os desbravadores do centro-norte do Espírito Santo têm muito que celebrar. E foi neste ritmo de comemoração que o Campori capixaba da Associação Espírito Santense (AES) abriu o evento tão esperado após cinco anos sem o programa. Esta é a 25° edição do acampamento que tem como objetivo fortalecer o senso missionário entre os adolescentes. Por isso, o tema deste ano é Feel The Mission (Sinta à Missão em tradução livre).

Leia mais:

A Fundação Botânica de Sooretama está sendo o lar dessa juventude durante os próximos dias. O Campori começou nesta quarta-feira, 7 de setembro, e vai até domingo, 11. O primeiro programa apresentou ao público um vislumbre do que está por vir ao longo de todo o evento. Música, interação, tecnologia e conhecimento bíblico-missionário são alguns dos muitos momentos que os desbravadores encontraram no primeiro dia e devem se deparar ao longo dos programas.

Machadinha fincada marca a abertura do XXV Campori da AES (Foto: Lauany Panfilo)

A abertura homenageou os diretores, distritais, regionais e pastores que fazem parte deste ministério. A machadinha entrou à cavalo na condução do pastor Carlos Eduardo Petter, líder dos Desbravadores nos territórios Central e Norte do Espírito Santo.

O pastor Eber Nunes, presidente da Igreja Adventista no mesmo território, entrou escoltado por regionais e a Bíblia completou a cerimônia ao entrar protegida por um pelotão de desbravadores. Simbolismo rodeiam cada detalhe desta abertura que tem como foco a valorização da Palavra de Deus. A tradicional queima de fotos fez parte da abertura oficial.

Sergio Saas foi o primeiro cantor convidado a se apresentar no Campori Feel The Mission (Foto: Lauany Panfilo)

"A gente quer que os desbravadores saiam apaixonados pela missão. Este é o sentido de tudo que fazem aqui. E tudo tem sido pensado para este propósito", corrobora Petter.

Para fechar o primeiro dia de programação, dois batismos foram realizados acompanhados de fotos para coroar este momento.

Este é o tradicional acampamento da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) que já ocorre há 25 edições no Espírito Santo. O último Campori ocorreu em 2017 e precisou ser adiado em anos anteriores em função da pandemia.

Assista ao vídeo de abertura: