Notícias Adventistas

Pioneiro da Igreja Adventista é batizado no Dia do Ancião

Batismo foi realizado durante a inauguração de mais um templo em Tangará da Serra.

Por Dayane Nascimento 27 de junho de 2016
batismo senhor Maurílio

Dia do Ancião foi marcado pelo batismo do senhor Maurílio de Souza, 82 anos. Ele decidiu voltar para a Igreja Adventista, a qual foi pioneiro, em Tangará da Serra. [Foto: Paulo Henrique]

Tangará da Serra, MT… [ASN] Após duas décadas distante da Igreja Adventista, o senhor Maurílio de Souza, 82 anos, teve um reencontro com Deus e decidiu voltar. A cerimônia de batismo foi realizada no último sábado (25), data de celebração pelo Dia do Ancião. Função que o senhor Maurílio exerceu por muito tempo antes de se afastar.

Todos os anos, a Igreja Adventista do Sétimo Dia reconhece em uma data específica o trabalho dos anciãos, voluntários que trabalham em sintonia com o pastor local. Ao contrário do que o termo possa sugerir, nem sempre se tratam de pessoas idosas. Homens de todas as idades podem se tornar esses líderes que colaboram ativamente para que o evangelho seja pregado. Foi desta forma que, junto com outros pioneiros, o Seu Maurílio desempenhou um papel fundamental na consolidação do adventismo na cidade de Tangará da Serra (a 240 quilômetros de Cuiabá).

A possibilidade de implantação de uma colônia de terras para o cultivo de café, arroz, milho e feijão fez com que centenas de famílias migrassem de outros estados para Tangará da Serra, na década de 60. Atraído pelas oportunidades econômicas, por volta de 1972 o senhor Maurílio chegou à região e junto com outras famílias traçaram o objetivo de transformar aquelas terras que, em suas palavras, “não tinham nada! Só mato!”, em um polo agrícola.

Nesta mesma época, a Igreja Adventista do Sétimo Dia também dava seus primeiros passos. “Havia apenas um templo, que hoje é a igreja central. Era uma estrutura pequena, de madeira. Todas as áreas da igreja precisavam de voluntários. Nesta época fui ancião e diretor missionário”, relembra.

As conquistas chegaram com os anos que avançaram. Hoje, Tangará da Serra é o quinto município mais populoso de Mato Grosso. Destaca-se pela produção de soja, cana-de-açúcar, pelo comércio bem estruturado e as belas cachoeiras como atrativo turístico. A Igreja Adventista do Sétimo Dia acompanhou o crescimento. O templo central ganhou nova arquitetura, com ares modernos e conta atualmente com cerca de 500 membros. “Mas, às vezes a gente fracassa! Deixei de participar ativamente da igreja por volta do ano de 1992. A Bíblia diz que nosso espírito está pronto, mas a carne é fraca”, lamenta Seu Maurílio.

O distanciamento só não foi maior porque amigos e familiares continuaram frequentando a igreja ativamente e não deixaram de convidar Seu Maurílio para as programações. Por ser um dos pioneiros da cidade e da fé adventista na região, a convite da liderança, o senhor Maurílio participou, no dia 30 de setembro de 2014, do lançamento da pedra fundamental do quinto templo da Igreja Adventista de Tangará da Serra. Durante a cerimônia, Joelson Ferreira, pastor local, afirmou que seria um privilégio tê-lo de volta. “Disse a ele que o dia da inauguração do espaço também poderia ser um marco em sua vida, pois, se quisesse o batizaria novamente”, conta o pastor.

“Ainda bem que Deus não desampara ninguém e nos diz sempre ‘vinde a mim!’. O Senhor me chamou de volta, por isso estou aqui!”, diz Seu Maurílio sorrindo e com lágrimas nos olhos. Após 24 anos distante da igreja, o Dia do Ancião voltará a ser motivo de comemorações para ele e sua família.

templo tangará da serra jardim tarumã

O novo templo tem capacidade para 150 pessoas e é o resultado de um projeto da Igreja Adventista do Sétimo Dia para todo o Centro-Oeste, com subsídios do campo local. [Foto: Paulo Henrique]

Inauguração do templo 

A Igreja Adventista localizada no bairro Jardim Tarumã foi o palco do recomeço da caminhada cristã do senhor Maurílio. A inauguração do espaço no sábado (25) e o seu batismo materializaram o que ele sempre fez: evangelizar e levar a fé adventista para todo o lugar.

O novo templo tem capacidade para 150 pessoas e é o resultado de um projeto da Igreja Adventista do Sétimo Dia para todo o Centro-Oeste, com subsídios do campo local. “Tangará da Serra é uma das cidades em que mais temos cristalizadas a vida em comunidade, que são os Pequenos Grupos. O diferencial desta igreja é que 100% daqueles que frequentarão aqui já participam de um Pequeno Grupo. Temos a expectativa de que cada pessoa fizer uma visita seja absorvida por este estilo de vida que é estar em comunidade”, destaca Levino Oliveira, presidente da Igreja Adventista para todo o estado de Mato Grosso. [Equipe ASN, Dayane Nascimento]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox