Notícias Adventistas

Líderes da Igreja em São Paulo traçam planos para distribuição de livros missionários

Edição deste ano do Impacto Esperança acontecerá no dia 14 de maio

12 de abril de 2016
Principais líderes administrativos se comprometem com a entrega de livros do próximo dia 14 de maio (Foto: Pedro Caron)

Principais líderes administrativos se comprometem com a entrega de livros do próximo dia 14 de maio (Foto: Pedro Caron)

Artur Nogueira, SP… [ASN] Na tarde desta terça, 12 de abril, os líderes administrativos da Igreja Adventista no Estado de São Paulo apresentaram planos para a distribuição de exemplares da obra Viva com Esperança, de autoria do pastor Ivan Saraiva. Este ano, a tradicional campanha do Impacto Esperança ganhará, no território paulista, a ênfase do uso dos dons individuais. Cada fiel será incentivado a conciliar a profissão ou algum hobby com a entrega de livros missionários. A expectativa é que sejam distribuídos cerca de 4 milhões de livros até o final do ano somente no Estado de São Paulo.

A ideia de fazer a entrega dos livros no contexto de cada membro tem o objetivo de deixar cada fiel se sentir mais confortável na experiência, além de demonstrar a diversidade da comunidade adventista no território paulista. De acordo com o pastor Domingos Sousa, presidente da Igreja Adventista no Estado de São Paulo, essa estratégia reforça que o adventista precisa ter a intenção evangelística em todos os ambiente, não apenas na igreja durante os cultos. “Precisamos nos espelhar no ministério de Paulo, que dedicou todo seu tempo a Deus. Ele viveu por Cristo e sua vida é um chamado para servir. É com essa audácia, determinação e ousadia que vamos às ruas em nome de Jesus no dia 14 de maio”, destaca animado.

A mensagem de usar os talentos individuais na distribuição do livro missionário deve alcançar todos os fiéis adventistas em território paulista. Porém, para o grupo de funcionários da sede administrativa da Igreja no Estado de São Paulo (União Central Brasileira – UCB), a ênfase já é trabalhada por meio de banners e cartazes. Nas peças, espalhadas por diversos pontos distribuídos no escritório, aparecem colaboradores de diferentes setores conciliando o trabalho com a entrega de livros (veja as peças na galeria de fotos).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Diversidade

Se nos anos anteriores o que se viu foi uma Igreja homogênea – seja organizada em feiras de saúde ou com a mesma camiseta do Impacto Esperança – este ano a entrega dos livros deverá ser marcada pela diversidade. Em Artur Nogueira, cidade onde está localizada a sede administrativa da Igreja para todo território paulista (UCB), por exemplo, ao menos 10 diferentes grupos irão participar da entrega de livros durante o próximo 14 de maio. São colecionadores de carros antigos, skatistas, motociclistas e até os apaixonados por cães.

As iniciativas diversificadas, no entanto, não tiram o espaço dos grupos já tradicionais na Igreja, como os desbravadores e as mulheres, que prometem fazer também uma manifestação sobre a violência infantil e feminina com a campanha do Quebrando o Silêncio. “Essas diferentes iniciativas se complementam. O movimento do dia 14 de maior vai ser uma síntese do esforço dos adventistas em São Paulo de levar o evangelho a toda tribo, língua e raça, conforme orienta a Bíblia”, explica o pastor Emílio Abdala, líder de evangelismo na Igreja Adventista no Estado de São Paulo.

Impacto Esperança

Desde 2006, adventistas em oito países sul-americano distribuem uma obra relacionada à mensagem de esperança na qual os adventistas acreditam: a volta de Jesus. Nos 10 anos da campanha, mais de 100 milhões de exemplares de 12 diferentes obras, entre livros e DVDs, foram distribuídos de forma gratuita. Este ano, a mobilização acontecerá no dia 14 de maio, quando serão entregues milhares de exemplares de Viva com Esperança, livro de autoria do pastor Ivan Saraiva. [Equipe ASN, Lucas Rocha]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox