Notícias Adventistas

Jovens Adventistas dedicarão tempo para “adotar” pessoas em vulnerabilidade

As ações acontecerão em comemoração ao Dia Mundial do Jovem Adventista, e envolverão simultaneamente jovens de 215 países

Por Mauren Fernandes 13 de março de 2019

As iniciativas começam no dia 16 de março, mas deverão continuar durante todo o ano. (Foto: Naassom Azevedo)

Os jovens adventistas estão sendo encorajados a mudar o dia e a vida de pessoas em vulnerabilidade no Dia Mundial do Jovem Adventista. Moradores em situação de rua, presidiários, idosos, animais sem dono, praças abandonadas e outras situações com grupos que apresentam maior fragilidade social receberão o carinho da juventude adventista, começando no dia 16 de março.

Segundo pesquisa da ONG Visão Mundial, 70 mil crianças vivem em situação de rua em todo o Brasil. O número é maior entre os adultos: mais de 100 mil em todo o país. Nos últimos dez anos, a população carcerária quase dobrou e chegou a 720 mil presos. O Brasil possui quase 500 mil leitos em hospitais, que recebem pessoas em situações de muita fragilidade.

Dados como estes apontam para pessoas que precisam de atenção. Por isso, os jovens irão “adotar” pessoas que precisam de ajuda. A ação ocorre em comemoração ao Dia Mundial do Jovem Adventista, em inglês Global Youth Day, e, no dia 16 de março, deverá envolver cerca de 800 mil pessoas só na América do Sul.

Segundo o líder sul-americano dos jovens adventistas, Carlos Campitelli, o objetivo é que o dia especial seja apenas o começo de uma relação de carinho e ajuda contínua. “Queremos que os jovens adotem com o coração e tenham a oportunidade de serem úteis durante o ano todo, o quanto for preciso”, incentiva Campitelli.

Para participar de uma das ações, procure a Igreja Adventista mais próxima da sua casa acessando www.encontreumaigreja.com.br. Para acompanhar os projetos desenvolvidos e divulga-los nas redes sociais, use as hashtags #GYD19 ou #DiaMundialJA.

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox