Notícias Adventistas

Alunos impactam o trânsito com entrega de esperança em forma de livros

Eles saíram às ruas do interior mineiro para participar da campanha Impacto Esperança, que distribuirá milhões de livros para ajudar famílias a superar crises.

Por Carolina Inthurn 23 de maio de 2019

Os alunos e professores entregaram cerca de 300 livros para motoristas e motociclistas. | Foto: Vinícius Ribeiro

“Se Deus faz a diferença em sua vida: buzine!” Essa frase estampou o cartaz que os alunos do Colégio Adventista de Governador Valadares, no interior mineiro, levantavam sempre que o sinal ficava vermelho. A ação aconteceu na tarde desta quinta-feira no centro da cidade e faz parte da campanha Impacto Esperança, que distribuirá mais de 20 milhões de livros em toda América do Sul para ajudar famílias a superar crises.

A buzina foi a moeda de troca para receber o livro Esperança para a Família. Algumas pessoas fizeram o retorno e voltaram para buscar mais exemplares com o objetivo de presentear amigos e parentes. Esse foi o caso de Ana Lúcia, que voltou e pediu mais um. “Eu vi o livro e lembrei que uma amiga minha está precisando muito. Como eu já conheço a Igreja Adventista, voltei para pegar um livro pra ela. Espero que isso a dê mais força porque eu tenho certeza que quando ela ler, vai se fortalecer ainda mais na fé”, conta.

Leia também:

Daniela Borges, aluna do 9º ano, afirma que se surpreendeu quando viu a reação das pessoas para essa ação. “A gente que está acostumado a entregar esse tipo de material acha que muitos nem vão dar valor. Mas isso pode mudar a vida de alguém. Nos sentimos muito felizes em fazer isso e ser um exemplo para a juventude”, comenta a estudante.

O policial militar Dickson Lima ajudou a controlar o trânsito no momento da ação. (Foto: Vinícius Ribeiro)

Mas o que surpreendeu a todos foi a presença do policial militar Dickson Lima, que vendo os alunos do Colégio Adventista entregando os livros no semáforo, prontamente posicionou sua viatura e os auxiliou durante toda a ação. “A causa é muito nobre. O que falta na sociedade é esperança e é nosso dever como policial estar ajudando nisso. É muito gratificante ver esses jovens sendo protagonistas na mudança da sociedade e é nosso dever estar dando o suporte”, pontua.

Veja mais fotos da ação:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox