Notícias Adventistas

Mães: “A fé me ajudou a ser mãe”

Muitas mulheres sonham em ser mães, mas para algumas isso pode ser um verdadeiro exercício da fé

12 de maio de 2017

Ser mãe era um sonho antigo de Pollyane “em todas as minhas orações pedia um filho”

Imperatriz, MA… [ASN] A notícia de que estava grávida parecia um sonho. Ser mãe era um desejo antigo da secretária Pollyane Silva. Casada há cinco anos, ela e o esposo empreendiam tentativas e todas sem sucesso, posteriormente o diagnóstico veio e apontou Endometriose, que é uma condição na qual o endométrio, mucosa que reveste a parede interna do útero, cresce em outras regiões do corpo, comprometendo uma gravidez.

  • Baixe vídeos, cartões e materiais para o o Dia das Mães AQUI

Certo dia durante uma consulta, sua médica propôs a retirada de um dos ovários, o que poderia ou não solucionar o problema; muitas mulheres se utilizam desse recurso, algumas obtêm sucesso, outras não. No entanto, Pollyane sempre foi uma mulher de fé e oração e sentia que Deus poderia reverter aquela, ela contava também com a intercessão dos amigos e isso a fortalecia.

A fé que vê o impossível

Pollyane e Misael são casados há cinco anos e sonhavam em ser pais (Foto: Diana Bispo)

“Eu orava muito pra ter um filho. Praticamente em todas as minhas orações eu mencionava isso, pedindo que se não fosse da vontade dEle, que meu esposo e eu fossemos confortados” relembra. A secretária então optou por não retirar um dos ovários e seguir um tratamento natural. O tempo passava e nada acontecia, mas isso não a desanimava, até o que milagre tão esperado aconteceu.

“Parecia irreal, era bom demais para ser verdade, eu só fui acreditar depois que fizemos a ultrassonografia” relata. Porém, como era de se esperar, a gravidez foi conturbada. Pollyane sentia muitas dores, por vezes teve que ir ao hospital fazer exames para se certificar de que estava tudo bem com ela e com o bebê.

O parto

A mãe de Yasmim conta que próximo ao dia do parto, sentia muitíssima dificuldade para urinar e isso a deixou preocupada, depois descobriu que havia perdido líquido e por isso teria que se submeter a uma cesariana. Sua internação ocorreu dois dias antes do previsto, o parto foi difícil e durou mais de três horas “O medico fazia muita força para retirar a Yasmim, estavam todos tensos e exaustos, ela saiu desacordada e foi direto para sala de animação”, conta.

Após um longo trabalho de parto, Yasmim veio ao mundo com saúde para a alegria dos pais (Foto: arquivo pessoal)

No início do parto, o obstetra constatou que havia muita coisa errada com Pollyane, seu intestino estava totalmente fora do lugar, mais do que o comum, havia muitos focos de endometriose, os órgãos estava desajustados ao ponto de não serem identificados facilmente. Após algumas horas de intenso trabalho, o parto terminou e instantes depois mãe e filha puderam sentir uma a outra.

Testemunho

“Você acredita em Deus? Se não, acredite, porque acabou de acontecer um milagre aqui” disse o médico olhando para Pollyane. Um tempo depois, seu esposo, Misael Alves, contou a ela que o médico o chamou e disse que sua esposa havia escapado da morte. “Em nenhum momento duvidei que Deus estivesse no controle da situação, sempre acreditei que aconteceria o milagre da maternidade para mim, estou feliz e encantada com minha filha, realmente percebo o quanto Deus cuidou de nós duas e acredito que meus familiares hoje percebem que Deus faz milagres e maravilhas na vida de quem acredita nEle”, afirmou.

No Brasil cerca de seis milhões de mulheres têm Endometriose, que pode ser constatado através de exames. O tratamento é de fácil alcance e recomenda-se acompanhamento médico especializado. [Equipe, ASN, Simone Joe]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox