Notícias Adventistas

Sabatistas apoiam inscritos nos locais de prova do Enem

Ação no Rio de Janeiro foi importante para motivar, tanto os sabatistas quanto outros estudantes que participaram da prova do Enem.

24 de outubro de 2015
Jovens levam mensagens de tranqüilidade e paz aos candidatos do Enem

Jovens levam mensagens de tranqüilidade e paz aos candidatos do Enem

Rio de Janeiro, RJ… [ASN] Grupos de adventistas, do projeto Pausem (Pausa para o Enem) estiveram em vários locais de prova na cidade do Rio de Janeiro para recepcionar e motivar os inscritos no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) como sabatistas. A ideia foi a de oferecer conforto a quem enfrentou o confinamento de sete horas antes da prova. Além de cantar e orar, distribuíram água e lanche para os estudantes.

Nos locais das ações, cerca de 500 estudantes adventistas do sétimo dia  estavam inscritos para a prova como sabatistas. Eles iniciaram a prova por volta das 18 horas do sábado, por acreditar que se trata de um dia sagrado. Em todo o Brasil, cerca de 70 mil inscritos só iniciaram as provas após o pôr-do-sol do sábado.

Uma semana antes da prova, os inscritos no Pausem participaram de um encontro com dicas práticas para vencerem o cansaço durante o confinamento. Nas duas horas que antecederam a prova, os apoiadores pretendem motivar os estudantes e explicar o porquê da decisão de não iniciar a prova às 13 horas.

Candidatos do Enem recebem lanche dos sabatistas

Candidatos do Enem recebem lanche dos sabatistas

Nos locais de prova, os sabatistas inscritos no Pausem compareceram ao local com uma camiseta do projeto.

Na Faculdade Estácio de Sá, para onde grande parte dos sabatistas foi direcionada, 200 jovens entregam squeezes do projeto, garrafas de água, lanches e canetas. Além disso, durante as duas horas que antecedem a prova, os jovens cantaram e oraram com os estudantes.

“É um dia tenso para todos. Estaremos orando, não somente pelos sabatistas, mas por todos aqueles que acreditam que com Deus podem se sair melhor nas provas”, explicou Rômulo Antônio, coordenador do Pausem.

Eny Carolina Silva, em 2014 não conseguiu fazer a prova, pois o cartão de inscrição veio em branco e não tinha a informação que ela ficaria na sala dos sabatistas. A coordenação só liberou para que a jovem fizesse a prova no sábado de dia. Mas, Eny não aceitou e voltou para a casa, a jovem estudou durante um ano se preparando para o Enem de 2015. “Com certeza fiquei triste no dia, mas sei que Deus é maior. Esse ano conferi a minha inscrição antes de vir fazer o Enem e estou pronta para fazer a prova. Para mim ser fiel a Deus é a maior prova de confiança nas promessas de Jesus”, conta a estudante.

Centenas de jovens se unem ao projeto Pausem e levam esperança aos candidatos do Enem

Centenas de jovens se unem ao projeto Pausem e levam esperança aos candidatos do Enem

O secretário executivo da sede conhecida como Associação Rio de Janeiro Sul, Matheus Tavares, parabenizou a juventude pela iniciativa da ação. “Foi muito bom passar algumas horas com esses jovens na porta da faculdade, lá cantamos, oramos e entregamos lanches para os candidatos do Enem. Com certeza é uma oportunidade de testemunhar e falar também sobre o motivo de guardar o sábado, respeitando os ensinos de Jesus”, conta Tavares.

Reforço de quem já viveu o confinamento na pele

Bruna Fraga já passou pelo confinamento, quando sonhava em cursar Engenharia e precisava de boa pontuação na prova. Ela prestou a prova como sabatista, pois acreditava que o respeito pela sua fé era o mais importante e quer que seu exemplo fortaleça quem agora vai passar pelo mesmo. “Foi ótimo poder adorar a Deus, mesmo estando nervosa e cansada com a prova. Senti que Deus estava comigo durante o exame”, disse.

Um apoio importante para estudantes e pais

A ação foi realizada em 2014 com a participação de 30 jovens, quando a ideia era apenas recepcionar os sabatistas. De acordo com a coordenação do Pausem, os pais ficaram agradecidos pelo apoio. Graças ao pedido de um desses pais que o projeto foi ampliado, atendendo agora todos os estudantes na cidade do Rio de Janeiro.

Outros estados do país se juntaram ao projeto carioca, por causa de sua ampla divulgação nas redes sociais.

Destaque na imprensa

A imprensa esteve fazendo a cobertura da ação na faculdade Estácio de Sá e entrevistou os estudantes.

A notícia foi destaque no jornal Extra, O Globo e Revista Exame.

[Equipe ASN, Dina Karla Miranda e Francis Matos]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox