Notícias Adventistas

Nova Revista Adventista começa primeira edição em janeiro de 2015

Publicação da Igreja Adventista vem totalmente diferente e agora quer fortalecer relevância junto ao pública que busca conteúdo mais aprofundado.

2 de dezembro de 2014
Nova-Revista-Adventista-comeca-primeira-edicao-em-janeiro-de-20151

Editora adventista trabalha para remodelar publicação que hoje enfrenta a busca pela atenção das pessoas por outras mídias e tecnologias

Tatuí, SP … [ASN] Nomeado em maio deste ano como redator-chefe da Casa Publicadora Brasileira, o pastor Marcos De Benedicto assumiu automaticamente o papel de editor da centenária Revista Adventista, publicação oficial da Igreja Adventista no Brasil e que desde 1906 cobre os principais eventos da denominação no país e no mundo. Foi para falar sobre o periódico, que passa por uma profunda reformulação, que a Agência Adventista Sul-Americana de Notícias (ASN) conversou com ele. Entre as novidades, além de uma revista com novo layout e conteúdo, também será lançados um aplicativo para os leitores e um novo site da publicação.

ASN – Por que a Revista Adventista sentiu necessidade de sofrer uma repaginada?

Pastor Marcos de Benedicto – Assim como ocorre com os carros, os aviões, as máquinas e até as pessoas, as revistas também envelhecem e precisam de renovação. Se o periódico não se modernizar, ele fica ultrapassado. Por fim, deixa de falar a linguagem das novas gerações e perde relevância. Ao longo de seus 108 anos, a Revista Adventista passou por várias atualizações, mas agora sentimos que era hora de radicalizar nas mudanças. Afinal, a paisagem do mundo mudou nos últimos anos e continua se alterando todos os dias.

ASN  – Quais serão efetivamente as mudanças que haverá em termos editoriais, distribuição e presença na web, entre outras coisas?

Pastor Marcos de Benedicto A revista terá um novo logotipo, escolhido com base em uma pesquisa com dezenas de leitores e pessoas do ramo editorial. Além disso, receberá um projeto gráfico mais clean e bonito; terá novas seções escritas por profissionais especializados; apresentará mais reportagens; ganhará um novo site que será alimentado constantemente e abrigará o acervo histórico; terá uma versão digital, disponível para dispositivos móveis; e contará com o talento de mais um jornalista. A abordagem das matérias também será mais contextualizada. Buscaremos um equilíbrio entre notícia, análise, teologia e reflexão. Privilegiando a linguagem fácil, a revista abrirá espaço para matérias práticas.

ASN – Para os leitores, quais serão as principais vantagens dessa nova Revista Adventista?

Pastor Marcos de Benedicto – O leitor encontrará um visual mais agradável, um texto mais criativo e um conteúdo mais sólido e atualizado, além de contar com o acesso à versão digital a aos materiais adicionais online. A interatividade será maior. Tudo isso por quase a metade do preço. A assinatura anual custará apenas 24 reais, o que é um preço muito baixo. Quem assinar, só vai ganhar.

Leia também:

Revista Adventista lança edição gratuita para mostrar sua nova cara

ASN – Quais são os planos para a revista a médio e longo prazo?

Pastor Marcos de Benedicto – Queremos consolidá-la como um meio de informação ágil, confiável e indispensável para o público adventista e a comunidade em geral. Não será uma tarefa fácil, mas esse é o nosso sonho e o nosso compromisso.

ASN – Na sua avaliação, qual é o papel de uma revista como essa em um mundo de consumo de informação através de diferentes canais tecnológicos?

Pastor Marcos de Benedicto – Hoje existe uma multiplicidade de vozes e atores no mercado da informação, todos reclamando a atenção do público. O próprio leitor pode ser tentado a querer ser notícia por meio das redes sociais. No entanto, em geral, as informações não estão interpretadas, hierarquizadas e sistematizadas. Um periódico como a Revista Adventista pode ajudar a filtrar o que é importante, registrar a história da igreja e nutrir espiritualmente o leitor. Apesar de termos ótimos canais de informação que não estavam disponíveis alguns anos atrás, creio que o papel da revista é mais essencial hoje do que nunca. No fundo, essas mídias se complementam.

ASN – Em nossa época pós-moderna, como a revista mantém sua relevância?

Pastor Marcos de Benedicto – Em um mundo em constante mudança, a revista proporciona um senso de identidade, continuidade e permanência maior. Por trabalhar com os bastidores e a interpretação, ela conecta o leitor com a realidade de maneira diferente. Além disso, sendo mensal, ela permite uma pausa e o necessário descanso, o que a mídia digital não permite, pois exige atenção o tempo todo. Em uma sociedade do espetáculo igual à nossa, que valoriza a imagem e a narrativa, como fazia a cultura grega antiga, em contraposição à mentalidade hebraica, que privilegiava a palavra e a verdade, é fundamental cultivar o pensamento crítico. Podemos dizer que, em termos bíblicos, uma palavra vale mil imagens. O texto mexe com os neurônios num nível diferenciado, pois requer mais reflexão. Portanto, para não ficar na superfície nem perder a conectividade real, o adventista precisa ler. Ele não pode ser um consumista acrítico da mídia popular, que reforça a cosmovisão neopagã. A Revista Adventista é uma boa alternativa/resposta a esse fenômeno cultural. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox