Notícias Adventistas

Igreja lança primeira rede social adventista

Projeto da Igreja Adventista motiva jovens a trocar férias por ações comunitárias e religiosas e agora conta com tecnologia.

5 de dezembro de 2014
Aplicativo será usado já no começo do próximo ano e deverá motivar o grupo tecnologicamente interessado em novidades

Aplicativo será usado já no começo do próximo ano e deverá motivar o grupo tecnologicamente interessado em novidades

Brasília, DF… [ASN] Foi lançado na manhã desta sexta-feira, 5, na sede sul-americana da Igreja Adventista, um aplicativo para Missão Calebe, projeto em que jovens dedicam suas férias para evangelismo e trabalhos comunitários em cidades sem ou com pouca presença adventista. O aplicativo é a primeira rede social adventista, já que nasce na plataforma mobile e oferece várias opções para os participantes do Missão Calebe curtirem e interagirem na web, notícias, fotos, além de outras facilidades. Todos os pontos, na América do Sul, onde há algum movimento do projeto está marcado no aplicativo. O programa de lançamento foi transmitido pela Internet e pelo canal executivo.

No evento estiveram presentes vários líderes de jovens adventistas, além de uma equipe de jovens e crianças que atuou recentemente no Gama, no Distrito Federal. Eles representaram um total de mais de 100 mil calebes sul-americanos e mostraram uma das atividades realizadas recentemente por eles. Durante o programa, o líder adventista do Ministério Jovem para oito países sul-americanos, pastor Areli Barbosa, apresentou a dona de casa Bernardete Souza com dois de seus cinco filhos.

Solidariedade prática

Consagração dos jovens e do aplicativo aconteceu em um culto realizado nessa sexta em Brasília

Consagração dos jovens e do aplicativo aconteceu em um culto realizado nessa sexta em Brasília

Bernardete foi abandonada pelo marido e, com seus filhos, estava morando em uma casa em péssimas condições no Residencial Primavera, no Gama-DF. Os Calebes foram informados da situação da família, demoliram a casa e construíram uma nova residência. A casa está na fase de acabamento e a família de Bernardete, enquanto acaba o término da obra, está hospedada em um local alugado e pago também pelos calebes.

O líder do grupo que realizou esta atividade, Wesley Leite Bidô, conta que “mobilizamos dezenas de pessoas e cada uma ajudou como pode. Uns doaram dinheiro e outros doaram mão de obra. Agora faremos um ‘chá de casa nova’ para mobiliar o lar dessa família”. Como resultado dessa atuação, a vizinha da família, Edna Arineuza de Jesus Souza se converteu ao adventismo.

Movimento grande

Barbosa comenta que “assim como este grupo de Calebes do Gama, centenas de outros grupos estão espalhados pela América do Sul envolvidos em salvação e serviço. O foco deles agora é o mês de janeiro, quando teremos um batalhão espalhado por oito países sul-americanos transformando a vida de pessoas como Bernardete e Edna”. Todo este batalhão mencionado pelo pastor Areli agora está integrado através do aplicativo recém lançado e que já pode ser baixado.

O responsável pelo setor de estratégias digitais da Igreja para a América do Sul, Rogério Ferraz, comenta que “o grande diferencial deste aplicativo é que ele é um elo que conecta os Calebes não só durante as férias, mas também durante o resto do ano. Ele também adianta que “vamos continuar investindo em aplicativos mobile e de redes sociais para outros públicos da Igreja”. [Equipe ASN, Márcia Ebinger]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox