Notícias Adventistas

Evangelismo digital: desafios e oportunidades

Por Bruna Coimbra 17 de fevereiro de 2020

Com o serviço de chatbot, a ESPERANÇA auxilia você na tarefa de dar estudos bíblicos pela internet via Whatsapp. (Foto: divulgação)

Você consegue ver alguma coisa no seu cotidiano que não seja regido pela tecnologia digital? Difícil, não é mesmo? É bem provável que uma de suas primeiras ações neste dia tenha sido conectar-se à internet e dar uma chegada nas mensagens no seu celular. Em uma pesquisa realizada pela Hoopsuite com a We Are Social, o Brasil é o segundo país do mundo que as pessoas passam mais tempo conectadas à internet, por exemplo.

“Estamos tão envolvidos com a tecnologia que não temos hoje a opção de fazer ou não fazer uso dela”, explica Rafael Rossi, diretor de Comunicação da Igreja Adventista na América do Sul. Ela domina praticamente todas as áreas da nossa vida. Modificou o comportamento social, nossa visão de mundo, a maneira como nos comunicamos e, até mesmo, a pregação do Evangelho.

Rossi explica ainda que diante das mudanças constantes, novas gerações surgem com um intervalo de tempo cada vez menor. Sem contar que a linguagem com que se comunicam e as suas características culturais também variam muito. “Nós vivemos em busca de alvos que se movimentam o tempo todo. A comunicação, portanto, é o ‘dom de línguas’ que eu peço diariamente a Deus, para que eu consiga me comunicar com as diferentes gerações que estão diante de nós”, finaliza.

Grandes oportunidades

Estudar a Bíblia ou formar uma classe bíblica, por exemplo, pode ser mais fácil e rápido. Usando o recurso de inteligência artificial, a Igreja Adventista ajuda você a conduzir um curso bíblico com seus amigos por meio de um aplicativo de mensagens. E esta é apenas uma dentre tantas possibilidades que as novas mídias oferecem.

Os benefícios da revolução tecnológica são inegáveis. Tanto que, de acordo com Jadson Rocha, diretor de Comunicação da Igreja Adventista no Nordeste, só no último trimestre de 2019, mais de 10 mil pessoas estudaram a Bíblia pela internet na região, graças a existência de plataformas EAD. Na América do Sul, 34.339 fizeram estudos bíblicos online de novembro de 2018 até hoje. E na última semana, foram atendidas 7.600 pessoas por dia.

É necessário ter equilíbrio

Embora o seu alcance seja impressionante, toda essa intimidade natural que desenvolvemos com a tecnologia tem um preço. Ela precisa ser vigiada. Um filtro das informações que chegam até nós e do que compartilhamos é extremamente necessário. Caso contrário, corremos o risco de comprometer a nossa espiritualidade. Além de perder de vista o nosso propósito como Igreja: a pregação do evangelho.

Por isso, Rafael Rossi e Jadson Rocha estiveram em cinco estados da região Nordeste para falar sobre os desafios e oportunidades do evangelismo na era digital. Os encontros aconteceram nas cidades de Caruaru e Recife (PE), Fortaleza (CE), Natal (RN), Maceió (AL) e Teresina (PI).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para saber mais sobre o assunto, confira a transmissão ao vivo pelo Facebook do encontro realizado em Teresina:

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox