Notícias Adventistas

Ação de estudantes dá dicas de alongamento no trânsito

"Já que não tem como fugir do congestionamento, melhor aproveitar o tempo parado para cuidar da saúde".

Por Kívia Henning 21 de agosto de 2019

Alunos dão dicas de alongamento no trânsito (Foto: Anderson Latenik)

Quem mora na capital está cada vez mais acostumado a passar grande parte do tempo no trânsito.  Diante da situação, em vez de perder a paciência, que tal utilizar o tempo parado para se alongar? Essa é a dica dos alunos dos Colégios Adventistas Centenário e Bom Retiro. Eles foram aos diversos sinaleiros de Curitiba, para estimular motoristas a se alongarem no volante. Essa é uma prática de saúde que prepara o corpo para passar muito tempo na mesa posição, além de ser um relaxante mental.

De acordo com a professora de educação física, Joyce Pereira, já que não tem como fugir do congestionamento, melhor aproveitar o tempo parado para cuidar da saúde. “Os tipos de alongamentos interessantes para os motoristas são os da cervical e trapézio, partes mais tencionadas devido ao estresse. Vale lembrar que tudo isso deve estar aliado a uma boa postura. O motorista também  deve atentar ao ajuste do encosto de cabeça do banco do carro. Outro fator que influencia na questão postural é a forma como se pega no volante. O ideal é sempre manter as mãos na posição do sentido horário 10h10 ou 9h15. Isso garante a flexibilidade e mobilidade para que movimentos sejam realizados sem grandes problemas”, explica.

Joyce Pereira, professora educação física (Foto: Anderson Latenik)

É bom manter um posicionamento mais ereto, visando o conforto. Essas dicas são válidas para todos que passam mais de 60 minutos diários no volante. Afinal, uma má postura não faz bem a ninguém.

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox