Notícias Adventistas

Simpósio de Escola Sabatina desafia líderes para crescimento de igrejas

13 de setembro de 2015

2Belém,…PA[ASN] No último sábado, 12, no período da tarde, cerca de quinhentas pessoas estiveram reunidas na Igreja Adventista do Marco, com o objetivo de discutir sobre como melhorar a Escola Sabatina, participando do primeiro Simpósio Teológico realizado pela Associação Norte do Pará (ANPa)

Vários representantes das escolas sabatinas das igrejas da região como diretores, associados, secretárias (os) e professores estiveram presentes a fim de refletir sobre a ação deste ministério na igreja local. 1

A palestra sobre o profeta Jeremias, personagem bíblico que será estudado durante os próximos três meses nas igrejas adventistas do mundo inteiro, foi ministrada pelo Dr. Heraldo Lopes, professor de Teologia da FAAMA (Faculdade Adventista da Amazonia). Ele abordou o assunto do livro “Jeremias” de forma teologicamente aprofundada objetivando a compreensão dos professores  da importância deste livro na vida do cristão.

3Logo depois o presidente da ANPa, pastor Paulo Godinho, apresentou a real situação das igrejas no que diz respeito ao crescimento, uma vez que a escola sabatina tem isto como uma de suas metas. Entre os assuntos colocados em pauta estão “A Escola Sabatina: um dos maiores e mais eficazes instrumentos para levar almas a Cristo” e “A colaboração da Escola Sabatina para o cumprimento da missão deixada por Jesus”.

Também foi apresentado um quadro sobre a situação da escola sabatina em cada igreja da ANPa, segundo os dados enviados pelas secretarias do departamento das igrejas locais. “O que se vê de forma geral é que muitos irmãos não têm a lição da escola sabatina, a frequência está abaixo dos 50% e o estudo diário é de 47%. A grande pergunta é: onde está a solução? A resposta está no professor”, analisa o pastor Luiz Barreto, líder geral da escola sabatina para o norte do Pará e Amapá.

4Separados em grupos, os participantes foram desafiados a cumprir algumas metas até o final do ano na sua igreja: conseguir 100% o número de assinaturas da Lição para todos os alunos, fazer relatório semanal com o auxílio do termômetro da Escola Sabatina. Outros temas abordados no encontro foram a preparação da lição da escola sabatina, como o professor pode otimizar o tempo para o preparo da lição e como usar o tempo para fazer os alunos pensarem e aplicarem o ensino bíblico na vida diária.

De acordo com Jeferson Pinto, professor na igreja do Sideral, através do simpósio ele pôde perceber várias coisas que precisa melhorar como pessoa e professor de escola sabatina. “Não fazer perguntas fechadas e tratar cada pessoa de acordo com a sua personalidade faz a diferença”, comenta. [Jackson França, Equipe ASN]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox