Notícias Adventistas

Concílio reúne líderes voluntários que atendem detentos no DF e Entorno

Encontro definiu diretrizes de trabalho para o ano de 2021

Por Rafael Brondani 4 de fevereiro de 2021

Durante o encontro dos representantes do projeto que atende mais de 12 presídios do DF e Entorno, ficou decidido que o tema deste ano é “Raízes aos Resultados”. Com essa temática, a missão de levar a mensagem de esperança aos detentos e familiares será intensificada durante 2021.

O grupo conta com cerca 200 capelães que atuam nessas unidades e visitam os parentes dos detentos e seus familiares. São pastores, capelães, advogados, psicólogos, entre outros. Cada um auxilia de forma específica. Durante as visitas, eles conversam e utilizam histórias da Bíblia para proporcionar momentos de reflexão e mudança na vida dos detentos, conta a igreja em seu site.

O líder do ministério, pastor Jeconias Neto, explica que esta é a quarta edição do concílio, como é chamado. Trata-se de um núcleo consultivo e deliberativo administrativo das ações do MCA. “Fazemos essa reunião logo no início do ano. Dialogamos e tomamos as decisões sobre o planejamento anual das atividades. Neste ano devemos intensificar as ações. Atualmente atendemos mais de 550 famílias e nos próximos dias queremos expandir o projeto para mais quatro presídios e também levar a TV Novo Tempo para mais unidades”, comemora o líder.

Na ocasião, também foram articuladas questões como o curso de capelania, que neste ano será híbrido, propiciando participação daqueles que não podem comparecer pessoalmente devido à pandemia. “Além dos membros da igreja, o conselho do MCA é composto por pessoas experientes na área, como diretores de presídio, policiais e familiares de presos. Trabalhamos com essa diversificação para ter uma fala mais ampla sobre o mesmo objeto que é salvar o preso e sua família. O nosso lema é ‘Fazendo discípulos em todas as prisões’”, conclui Jeconias.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox