Notícias Adventistas

No paraná, ação solidária abre portas para batismo

Diarista recebe cestas básicas de alunos e após um ano decide se tornar membro da Igreja Adventista

27 de junho de 2016

Em 2015, alunos do Instituto Adventista Paranaense (IAP) se uniram para auxiliar famílias carentes da cidade de Ivatuba-PR, o que eles não imaginavam é que esse passo abriria portas para decisões eternas

Mesada solidária

Mesada solidária: alunos do IAP se uniram para financiar cestas básicas para a diarista Lourdes Maria

Em novembro de 2015 alunos do Instituto Adventista Paranaense se uniram para beneficiar famílias carentes com cestas básicas. Foi na sala de aula que surgiu a ideia de colocar em prática a palavra solidariedade, conceito trabalhado fortemente na educação adventista.

A indicação veio da senhora Nézia e a experiência foi marcante. Os alunos doaram suas mesadas para montar as cestas básicas e elevaram até as famílias das diaristas Lourdes dos Santos e Cristina Cardoso da Costa, ambas moradoras de Ivatuba-PR, região norte do estado, onde também está localizado o IAP.  A trajetória de Lourdes é marcada por dificuldades financeiras e lutas frente a doença do filho, que convive com uma grave deficiência física que o paralisou e também o impede de falar.

Cuidado

Mesmo sozinha a diarista não pensou duas vezes para adotar o neto, Cauã Miguel de apenas 9 anos. Abandonado pelo pai e sem poder usufruir dos cuidados da mãe, que sofre de problemas mentais, a despeito de tudo, o garoto desfruta de uma infância sitiada pelo carinho da vovó coruja. Mas foi como uma leoa que ela se descreveu ao falar dos seus “bebes”, como costuma chama-los. “Não tenho dinheiro para dar conforto, mas tenho muito amor e não desisto de lutar para sempre estar ao lado das minhas crianças”, se emociona.

Na ocasião, a iniciativa foi acompanhada de perto pela imprensa local. Equipes de jornalismo das afiliadas do SBT e Record e o portal de notícias G1 produziram reportagens destacando a ação. Mas quando as câmeras se afastaram, deu-se início a verdadeira solidariedade. O apoio agora era emocional e espiritual.

Decisões eternas

Lourdes conta que o amor que recebeu a motivou a tomar a decisão pelo batismo

Lourdes conta que o amor que recebeu a motivou a tomar a decisão pelo batismo

Lourdes Maria iniciou estudos bíblicos com João Aranega, Julio Cezar Disner, Lucas Brumati, José Carlos Neto e Hary Metzner, alunos de teologia do Seminário Adventista de Teologia do IAP e participantes do JIM – Jovens Instrutores Missionários. “ Eles me visitavam toda semana, oravam comigo e me deram o presente mais importante que recebi na vida. Uma bíblia”, conta Lourdes.

Depois de algum tempo, esses estudos foram mediados por membros da igreja Adventista local. O resultado desta corrente foi o batismo de Lourdes, de seu neto Cauã e de Maria Solange Yenke, amiga da diarista, sábado 18, na igreja do IAP.

“Não existe cristianismo genuíno sem discipulado”, destaca o pastor distrital Giliard Ferreira, que esteve presente na entrega de cestas básicas, no ano anterior, e que a batizou. O pastor Ferreira explica que discipulado é transformação de vidas.  “Não somente de quem aceitou a verdade, mas também de quem a ensinou. Quando os jovens veem os frutos da sua missão, isso fortalece a sua fé e os faz acreditar, que nem tudo está perdido”, complementa ao afirmar que histórias como essa evidenciam a força que o amor e a solidariedade têm na pregação do evangelho. “Esse era o método de Jesus e quando o jovem acredita e experimenta isso, a vitória é sempre certa”, aconselha.

ASSISTA A REPORTAGEM: 

 

 

 

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox