Notícias Adventistas

Imprensa elogia ação de jovens adventistas no Dia de Finados

Logo cedo, às 5h30 da manhã, o grupo se reuniu em frente ao cemitério municipal de Anastácio para orar com as pessoas que chegavam para as visitas, na expectativa de amenizar a dor dos que choram por quem já se foi.

3 de novembro de 2016

Anastácio, MS…[ASN] A Bíblia ensina que a morte não é o  fim de todas as coisas. Ao contrário. As escrituras sagradas registram que há uma esperança para aqueles que acreditam na cruz e em seu poder de ressureição.

Cartazes e folhetos traziam a mensagem da ressurreição e vida eterna registradas na Bíblia.

Cartazes e folhetos traziam a mensagem da ressurreição e vida eterna registradas na Bíblia.

“A morte vai morrer!” trazia escrito um dos cartazes carregados pelos jovens adventistas da Geração 148, membros da igreja central de Anastácio – cidade distante 140 quilômetros da capital, Campo Grande – durante o Dia de Finados (2), em frente ao cemitério municipal, contando à população sobre a promessa de Apocalipse 21: 4. “Muitos chegam chorando, tristes e de alguma forma queremos contribuir para amenizar esse sofrimento”, conta Arumi Figueiredo, fotógrafa e uma das participantes da ação.

Segundo Rosenir Biliba, que foi ao cemitério visitar túmulos de familiares, o dia 02 de novembro tem a saudade como significado. “No dia de hoje sempre dá uma saudade grande. Mas essa atitude é maravilhosa, pois traz conforto ao coração da gente, ainda mais quando feito por crianças e jovens”, emociona-se.

14907742_1177525272341046_136345638_o

O grupo se destaca pelas ações missionárias e sociais.

Logo cedo, às 5h30 da manhã, o grupo se reuniu em frente ao local da ação para orar com as pessoas que chegavam para as visitas e também ofereciam palavras de conforto à população, na expectativa de amenizar a dor dos que choram por quem já se foi.

A ação do grupo, de acordo com a coordenação, busca, ano após ano, levar conforto àqueles que sofrem a dor da perda. A morte carrega sempre um nível de tristeza muito grande, não importando a situação. Mas quando se acredita na promessa bíblica que traz a ressureição e a vida eterna como cenários de um breve acontecimento, essa dor não deixa de existir, mas é amenizada através da fé e da esperança do reencontro.

A ação começou logo cedo, às 5h30 da manhã.

A ação começou logo cedo, às 5h30 da manhã.

Em tempo: A ação dos jovens da Geração 148 de Anastácio foi destaque em programa de TV e em jornal online. [Equipe ASN, Rebeca Silvestrin]

Fotos: Arumi Figueiredo

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox