Notícias Adventistas

O papel do culto de quarta-feira nos dias de hoje

Quartas do Poder inspira fiéis na adoração e envolve novas gerações

Por Pedro Farias 15 de setembro de 2021

O culto de quarta-feira à noite está entre as três principais cerimônias semanais realizadas nos templos adventistas em todo o mundo. É durante esse cultos que os fiéis podem expressar seus agradecimentos e pedidos para toda a congregação, para que todos possam orar uns pelos outros em momentos de intercessão. Pensando em inspirar e fortalecer os cultos de quarta-feira, o projeto Quartas do Poder apresenta de forma diferente os milagres que ocorreram na vida de pessoas, envolvendo novas gerações para tornar os cultos mais envolventes e relevantes.

Leia também:

Nas regiões norte e sul da Bahia, as novas gerações ministram as Quartas do Poder nas igrejas adventistas, trazendo a temática da Missão, ilustrando como o evangelho de Cristo chegou e está sendo desenvolvido num determinado país, abordando trajes típicos, comidas típicas, pontos turísticos, vegetação, fauna, curiosidades, cultura, gastronomia, idioma, costumes e crenças. Karine Oliveira, diretora do Ministério da Criança (MC) de São José do Jacuípe, inseriu o projeto nos cultos e ficou muito feliz com o resultado positivo. “Fomos parabenizados por realizar o projeto na nossa Igreja. O templo que era vazio nas quartas-feiras, agora é lotado! Fiquei muito emocionada pois estamos sendo instrumentos para atrair membros inativos”, disse.

Crianças envolvidas na Quarta do Poder. (Foto: Reprodução)

O diferencial foi o envolvimento e dedicação dos líderes do Ministério da Criança (MC) e Ministério do Adolescente (MA), que buscam em cada quarta-feira dar ao público um bom programa, rico em detalhes e com uma variedade de participações. O grande resultado é o discipulado e o investimento nos mais jovens. “Durante as restrições da pandemia da COVID-19, tudo fechou e as crianças não tiveram tanto acesso às atividades da Igreja, porém, os cultos continuaram e eles não pararam de frequentar. O que mais me impressiona é que eles se envolvem inteiramente no processo”, disse Eliane Lopes, líder do MC e MA nos estados da Bahia e Sergipe.

No norte da Bahia, cerca de 80% dos 467 templos adventistas participam da Quarta do Poder. No litoral sul da Bahia, 103 pequenos grupos de adolescentes estão envolvidos no projeto. Mais de 50%  dos templos adventistas estão comprometidos com a iniciativa que inclui os pais e convidados.

Evangelho nas novas gerações

Devido ao trabalho e estudo do fiéis, as quartas-feiras à noite tem um fluxo menor de membros, mas os parentes acabam indo para prestigiar seus filhos, aumentando a frequência das pessoas no culto. O Pedro, com apenas 8 anos, apresentou um sermão da Bíblia na igreja e convidou sua mãe para assistir o seu sermão. “Quando a mãe viu o filho pregando ela sentiu-se bem em receber aquelas palavras para vencer os problemas pessoais. A mãe dele me agradeceu e disse que ver o filho pregando fortaleceu muito a sua fé, fazendo-a sentir a presença do Espírito Santo”, relata Anelise Pereira Araújo, diretora do MC e MA da IASD Central de Quixabeira – BA.

Guilherme cantando no culto de quarta-feira na IASD. (Foto: Reprodução)

São nos cultos de quarta-feira que muitos têm a oportunidade de desenvolver seus talentos e habilidades. Uma das revelações é o adolescente Guilherme Dórea, de 13 anos, que demonstrou seu dom musical tocando violão e cantando para toda a congregação adventista de Santa Cruz Cabrália, no sul da Bahia. “Um dia em um culto de sexta-feira na casa de uns irmãos ele pegou meu violão e começou a tocar e cantar. Depois disso eu escalei ele para se apresentar na Quarta do poder. Todos ficaram abismados com a voz do garoto que deste dia em diante não parou mais de cantar”, conta a diretora da Base Teen Jesus Copy, Renata Gundim.

 

Veja mais fotos na galeria:

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox