Notícias Adventistas

Juíza federal apoia e parabeniza trabalho de Clube de Aventureiros

Sua filha, Maria Teresa, participa ativamente do Clube de Aventeuriros Luzeirinhos, em Joaçaba, interior de Santa Catarina

19 de maio de 2017

Maria Teresa (esq.) ama o clube e é envolvida em todas as atividades.

Joaçaba, SC…[ASN] Não é necessário muitos passos para se chegar ao destino final de todo fim de semana. Bem ao lado da casa de Ana Cristina Silva e sua filha Maria Teresa de Oliveira, na cidade catarinense de Joaçaba, há uma congregação adventista onde funciona o Clube de Aventureiros Luzeirinhos. Observando a movimentação das crianças, o uniforme que elas usavam e as atividades realizadas, Ana Cristina demonstrou interesse em conhecer mais sobre aquela iniciativa e inscrever sua filha.

“Eu achei a proposta do clube muito interessante. Resolvi colocar a minha filha principalmente pelo fato de desenvolverem os valores cristãos. Eu sou católica, e fiquei muito feliz em saber que nesse lugar a minha filha ia cultivar esses valores e também desenvolver a cidadania”, explica a Ana Cristina, que é juíza da Primeira Vara Federal de Joaçaba e Diretora do Foro desta Subseção.

Elenice, diretora do clube que atende 53 crianças, e Maria Teresa.

E o instinto de mãe não falhou. Este é o segundo ano em que Maria Teresa é integrante do Clube de Aventureiros, e o envolvimento tem sido bem positivo. “A Maria Teresa é uma criança doce, meiga, alegre e super comprometida com aquilo que assume. Ela ama o Clube de Aventureiros e aproveita ao máximo as atividades propostas e o cumprimento dos requisitos das especialidades que realizamos”, conta Douglas Macedo, colaborador do Clube Luzeirinhos, junto à sua esposa, que é a diretora.

Esse envolvimento tem alcançado até a própria Ana, que, no final do ano passado, teve a oportunidade de participar do Aventuri, acampamento oficial dos Aventureiros que reúne diferentes clubes de uma localidade. A experiência de participar de um acampamento pela primeira vez foi marcante.

Experiência inesquecível

“Eu nunca tinha ido a um acampamento. Dormimos em barraca, participamos das atividades, fomos com todo mundo de ônibus, foi muito legal. A gente pôde ter uma noção de que os aventureiros não são só de Joaçaba, tinha gente de todo o Estado. E foi muito bonito de ver toda aquela congregação. São pessoas realmente de coração aberto, que querem fazer o trabalho para Deus e para a cidadania. A família acaba sendo contaminada também por esse espírito de amor e fraternidade que o clube exala. Eu sou muito grata pelo Clube de Aventureiros e faço votos para que esse trabalho continue”, elogia Ana

O espírito aventureiro também contagiou Ana, que participou do Aventuri junto com a filha

Neste sábado, 20 de maio, Maria Teresa e mais 11.348 Aventureiros de todo o Sul do Brasil, espalhados por 508 clubes, irão celebrar a sua data especial – o Dia do Aventureiro, comemorado em toda a América do Sul. Assim como na família de Ana, o clube tem feito a diferença na vida de muitas pessoas, sendo um ministério aberto para todos que têm interesse, como conta o líder dos Aventureiros no Sul do Brasil, pastor Aryel Marques.

“O Clube é um apoiador da família, que ajuda os pais a formar o nobre caráter das crianças. O mundo está hoje em oposição aos valores, mas o Clube de Aventureiros é um lugar que apoia a honestidade, o trabalho, a família. E nós temos um dia para celebrar tudo isso, pois uma igreja que apresenta ministérios voltados para as crianças é uma igreja viva e que está investindo no futuro”, enfatiza. [Equipe ASN, Jéssica Guidolin]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox