Notícias Adventistas

Fiéis realizam palestras de prevenção contra abuso sexual infantil em escolas públicas de SC

Cerca de 70 escolas receberam as orientações da campanha

Por Paulo Ribeiro 26 de agosto de 2019
Pastor Edson Rauber e sua esposa, Rosa Rauber, ministraram palestras para cerca de mil alunos da escola da rede pública Senador Luiz Henrique da Silveira, em Joinville. [Foto: Divulgação].

 

A campanha nacional Quebrando o Silêncio ocorre em 69 escolas públicas das regiões norte, vale e oeste catarinenses neste mês de agosto. Por meio de palestras e materiais impressos, alunos e professores são conscientizados sobre a importância de denunciar casos de abusos sexuais contra crianças e adolescentes.

No último sábado (24), igrejas e grupos adventistas também aderiram ao movimento. Segurando cartazes e faixas, os fiéis saíram às ruas para realizar flashmobs em semáforos, conversar com motoristas e distribuir literaturas.

Outras instituições também recebem atenção da campanha. Entre elas estão dois Centros de Referência em Assistência Social (CRAS), uma Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), uma creche, uma Câmara de Vereadores e um Centro Social Urbano. 

Segundo Thayse Budal, líder do Ministério da Mulher e responsável geral pelo Quebrando o Silêncio onde as ações ocorrem, o engajamento dos fiéis em torno do movimento é fundamental para aproximar a igreja da comunidade. “Cada vez mais as igrejas têm entendido a importância das temáticas da campanha para alertar os membros, além de usar o projeto como ferramenta para desenvolver o relacionamento com a comunidade que estão inseridas”, avalia Thayse.

O Quebrando o Silêncio: 

A campanha Quebrando o Silêncio é uma iniciativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia, e a cada ano um tema é escolhido para ser discutido e abordado com propósito de conscientizar a comunidade, denunciar abusadores e ajudar as vítimas. Acesse o site e saiba mais: www.quebrandoosilencio.org.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox