Notícias Adventistas

Escola Adventista de Marília realiza ações sociais para a comunidade

Por Kimberly Ludugério 24 de junho de 2021

Alunos engajados na campanha, recolhendo alimentos e roupas de frio

A fome machuca e passar frio aflige o coração, estes sentimentos despertaram nos alunos da Escola Adventista de Marília o desejo de realizar uma ação social que pudesse atenuar um pouco do sofrimento das milhares de famílias atingidas pela pandemia na cidade. Muitas que hoje passam fome o que se agrava ainda mais com a chegada do inverno. Se as ações que ajudam quem está em situação de vulnerabilidade já era necessária, em tempos de pandemia elas se tornam ainda mais.

Surgiu assim o projeto #EAMcontraFome. Os alunos do 7º ano sob a liderança da professora Gabriela Felizardo Leonel de Andrade da disciplina de Língua Portuguesa, produziram vários vídeos que foram postados nas redes sociais da escola e enviados a todos os pais e familiares explicando a importância do voluntariado e motivando pais, alunos, professores, colaboradores e amigos da escola a trazerem doações, alimentos, blusas, agasalhos e cobertores.

“O resultado foi maravilhoso, durante todo o mês de maio, centenas de doações eram entregues no drive de chegada dos alunos, uma forma mais segura de doar sem que os doares precisassem sair dos carros” relata o Diretor Anderson de Oliveira Santos.

Desde o dia 07 de maio, foram arrecadados 1 tonelada em alimentos não perecíveis e mais de 2 mil peças de roupas, agasalhos e cobertores que foram destinados para a Ação Solidária Adventista da cidade no dia 18 de junho. A ASA local atende hoje mais de 40 famílias carentes e em situação de vulnerabilidade na cidade de Marília.

Homenagem aos Coveiros

Momento de agradecimento e leitura da Bíblia com os coveiros

As ações da escola não pararam por aí. Ainda estamos vivendo dias assoladores da pandemia. Hospitais lotados, pessoas sofrendo pela COVID-19 e muita gente perdendo amigos e familiares.

É comum ver homenagens a profissionais da área da saúde, mas existe um grupo de pessoas que também lida com o luto todos os dias e está presente realizando o seu trabalho faça chuva ou faça sol: os coveiros. Assim, a escola participando de mais um projeto chamado “Espalhando o Amor”, realizou uma homenagem a eles. Nos dias 23 e 24 de junho, alunos e professores, com todos os cuidados sanitários, foram até o cemitério Parque das Orquídeas e Cemitério da Saudade para agradecer aos serviços prestados por eles.

Na ocasião, além de palavras de carinho, eles entregam um livro, um CD, bombons e uma cartinha feita pelos próprios estudantes. Finalizaram o momento com uma oração. Todos ficaram muito emocionados.

Entrega de livros e orações

Alunos durante a entrega, orando com moradores

Ainda na campanha “Espalhando amor”, também no dia 23 de junho, alunos do 7º ano saíram pelas ruas para entregar livros de esperança na porta das casas. Foram mais 150 livros doados junto com uma cartinha. No momento da entrega, eles também oraram com os moradores. Tudo isso também respeitando distanciamento e demais regras sanitárias.

Carolina Rubi, nas redes sociais da escola, deixou a seguinte mensagem: “Fiquei feliz em receber o carinho dos alunos em minha rua com um presentinho e uma oração. Nesses tempos em que o medo e o individualismo são exacerbados, vocês fizeram uma grande diferença.  E digo: Continuem correndo crianças! Continuem gritando, crianças! Gritinhos de alegria, gritinhos de vida! Isso nos faz acreditar no bem”.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox