Notícias Adventistas

Congresso gaúcho reúne mais de 500 adolescentes e aborda comunhão, relacionamento e missão

A intenção é fortalecer os princípios bíblicos para as novas gerações

Por Eduardo Teixeira

Trio Discípulos realizou o louvor durante a programação

Cerca de 550 adolescentes participaram do congresso intitulado Emotion Teen da Associação Sul-rio-grandense (ASR), no sábado 12 de maio. Realizado no Instituto Adventista Cruzeiro do Sul (IACS), o evento contou com as pregações de Robinson Amorim que há 18 anos desenvolve iniciativas voltadas a essa faixa etária.

Entre as mensagens baseadas no livro de Filemom, os participantes receberam uma surpresa que mexeu com eles. Como ilustração do sermão, um jovem atravessou o ginásio vestido de carteiro e entregou, para cada líder de base Geração 148 teen, envelopes com cartas que os pais ou responsáveis fizeram aos seus filhos.

A emoção tomou conta ao ler as cartas

A cada linha lida, era possível ver as lágrimas escorrerem. Os adolescentes encerraram a manhã emocionados e de tarde viram a apresentação de ações evangelísticas em que podem se envolver com os amigos; perto de casa ou até em diferentes continentes.

Alguns viajaram mais de seis horas para o congresso e agradeceram a oportunidade de participar. Alice Ferreira, de 15 anos, saiu de Bagé animada e relata: “fazer amigos e ficar mais perto de Deus é muito bom. Sem contar a descoberta de novas formas para ajudar o próximo”.

Paulina Nascimento, de 17 anos, também compartilha da experiência de uma reunião gratificante após horas na estrada. Ela veio de São Gabriel e disse voltar empolgada para continuar demonstrando sua fé com alegria. “Tudo o que vimos aqui nos motiva a evangelizar ainda mais e trazer outras pessoas para a igreja para que elas saibam o quanto isso é bom”, comenta Nascimento.

Ginásio do IACS ficou lotado durante o Emotion Teen

Já Rosa Rauber, líder do Ministério do Adolescente da ASR, aponta que o Emotion Teen possibilitou a cada participante condições de entender que é preciso conhecer as necessidades pessoais para lidar com as emoções. “Lembramos a eles que o preparo para um bom futuro começa hoje ao lado do Senhor. Por isso, mostramos que em todos os departamentos da igreja há condições dos adolescentes se envolverem”, afirma Rauber.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox