Notícias Adventistas

Município de Mangaratiba é impactado por ações sociais e evangelísticas

Mais de 200 jovens impactaram Mangaratiba no último feriado com ações sociais e evangelísticas.

25 de abril de 2014
Mangaratiba

Doutores de Esperança participaram no domingo, na praia do Saco, Mangaratiba (RJ). (Fotos: Gustavo Aguiar e Carlos Roberto)

Praia, sol e feriado: uma combinação perfeita para moradores e veranistas da região Costa Verde do Rio de Janeiro. Nos dias 19 e 20 de abril jovens, adultos e crianças de Itaguaí e Sase aproveitaram o feriado prolongado para impactar a região com a realização de ações sociais e evangelísticas.

As igrejas dos dois distritos (Itaguaí e Sase) em parceria com o projeto ‘Instituição do casamento – Um projeto de Deus’ realizaram no sábado (19) à noite, no Parque de Exposição de Mangaratiba, cerca de 8 casamentos, 6 bodas e 12 aniversários de 15 anos. Casais e debutantes tiveram direito a buquê de flores, carruagem, troca de alianças, vestido e bolo decorado. O casal Cristiano da Silva e Marta da Conceição da Silva vivem juntos há 17 anos e sempre acalentaram o sonho da cerimônia de casamento registrada em cartório. ‘Este momento consolidou ainda mais a nossa união, agora oficializada e abençoada por Deus’, comenta o casal que participou do casamento comunitário.

Os casamentos no Brasil duram, em média, 15 anos, segundo dados divulgados em 2013 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A informação leva em conta o tempo médio transcorrido entre o casamento e a data da sentença do divórcio. Na comparação com anos anteriores em que o levantamento foi feito, observa-se que as uniões estão menos duradouras. Em 2007, o tempo médio era de 17 anos, mesmo período que havia sido observado em 2002.

O organizador do projeto, Denival Corrêa, que é juiz de paz em Mangaratiba, salientou a importância do casamento oficial. ‘Muitos vivem juntos sem assumir seu estado civil reconhecido pela sociedade e a lei e o projeto possibilita esta regularização. A renovação de votos através das bodas mostra que casamentos duram e precisam ser cultivados’, finaliza Corrêa.

No domingo (20) a igreja realizou o projeto ‘Jovem ao Mar top 2014’ na praia do Saco, em Mangaratiba. Foram mais de 200 jovens de várias regiões do Rio de Janeiro unidos no propósito de testemunho e recreação saudável. Cerca de 2 mil livros missionários e folhetos foram distribuídos. A programação também contou com a participação dos Doutores da Esperança, palhaços que promovem um humor sadio em hospitais na cidade de Volta Redonda, auxiliando principalmente crianças a recuperar a alegria de viver. Conheça melhor o projeto clicando aqui.

Mangaratiba

O ‘chinelo missionário’ chamou a atenção de banhistas e comerciantes.

Dentre as atrações, uma ganhou destaque especial: cada participante recebeu um chinelo personalizado, que deixava na areia a mensagem “Jesus Voltará”. O ‘chinelo missionário’ como ficou conhecido, chamava a atenção dos banhistas com a escrita na areia. Moradores, comerciantes e amigos que assistem a TV Novo Tempo elogiaram a organização e educação dos jovens e muitos parabenizaram o projeto. Alguns quiseram adquirir o chinelo, que infelizmente, não estava disponível para venda no dia. Ao final, todos que fizeram inscrições puderam aproveitar do momento recreativo no parque inflável e uma animada gincana que envolveu desde crianças a adultos.

Pastor Patric Rosa, organizador geral do Impacto Mangaratiba, comentou que o evento deu visibilidade para a igreja adventista na região. ‘Queremos que a igreja seja vista como uma casa agradável com portas abertas para todos. Os jovens têm uma força que supera expectativas e ficamos felizes com o envolvimento deles no projeto. Todo impacto abre portas e agora é nosso dever como igreja local, entrar e influenciar pessoas para Cristo’, completou Rosa. [Equipe ASN, Fabiana Lopes e Gustavo Aguiar]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox