Notícias Adventistas

Líder adventista de saúde orienta sobre combate à obesidade

5 de abril de 2012

 

Brasília, DF … [ASN] No próximo sábado, 7 de abril, lembra-se do Dia Mundial da Saúde. A data, embora seja comemorada por aqueles que observam os avanços tecnológicos para diagnóstico e cura de doenças, é um convite à reflexão sobre questões de prevenção de males como a obesidade, que é um problema crescente no Brasil. De acordo com o IBGE, 50,1% dos homens e 48% das mulheres brasileiras estão acima do peso, sendo que 12,5% dos homens e 16,9% das mulheres do país são obesos. As próprias autoridades reconhecem que essas taxas poderiam ser diminuídas de formas simples com mudanças de hábitos alimentares e a prática de atividade física. Nessa data, os adventistas do sétimo dia reconhecem que esses dois fatores para a obesidade poderiam ser evitados com um conceito diferenciado de estilo de vida.

O pastor Marcos Bomfim, diretor de Saúde da Igreja Adventista do Sétimo Dia para oito países sul-americanos, explica que o entendimento adventista é de que o cuidado do corpo é uma questão de espiritualidade também. “Se o meu corpo vai mal, seu meu corpo vai estar doente fatalmente a minha vida espiritual vai ser afetada, porque a vida espiritual não acontece fora do meu corpo”, analisa. Bomfim explica que a mudança de padrões alimentares contribui para esses altos índices de obesidade. “Hoje as pessoas estão se alimentando de alimentos industrializados, fast food. Houve uma mudança alimentar. Outra causa grande  da obesidade é o sedentarismo, a falta de exercício físico. As pessoas crescem atrás da TV e as crianças, desde pequenas, comem mal e se divertem sentadas assistindo à TV, com videogames e internet que não exigem nenhum movimento do corpo”, acrescenta.

No mundo, a Igreja Adventista do Sétimo Dia foi a primeira religião convidada a fazer parte da Organização Mundial da Saúde (OMS) em ações e planejamento de combate a epidemias derivadas principalmente da falta de saúde preventiva. Na América do Sul, as principais ações de conscientização são voltadas a cursos de culinária vegetariana, as feiras de saúde e os cursos direcionados para pessoas que desejam abandonar o vício do tabagismo. Nos próximos anos, a ideia de Bomfim é realizar uma versão sul-americana de um projeto, já consagrado nos Estados Unidos, de um dia para incentivo à prática de exercício físico. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

Veja entrevista no ASNTV com o nutricionista Ricardo Vargas sobre risco de alimentação inadequada

 

 

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox