Notícias Adventistas

Família é batizada em Uberaba como fruto da colportagem

Casal, juntamente com os quatro filhos, entrou no tanque batismal no dia 14 de maio.

20 de maio de 2014

batismo-colportagem[Uberaba, MG] O trabalho da colportagem, que se caracteriza pela venda e distribuição de livros e revistas sobre saúde, relacionamentos, educação de filhos e religiosidade, vem conquistando cada vez mais abertura nos lares de Minas Gerais. Além de levar informação, o conteúdo dos materiais também proporciona mudança de vida.

Na cidade de Uberaba, no triângulo mineiro, a estratégia de ação missionária por meio da literatura possibilitou o batismo de seis pessoas da mesma família. Tudo começou quando o casal Joabe e Rafaela Leal, que trabalha com o segmento de revistas, visitou uma família para apresentar e oferecer a assinatura da revista infantil Nosso Amiguinho. Após perceber o interesse dos donos da casa pela Bíblia, os jovens missionários não perderam tempo e logo convidaram os anfitriões para conhecer mais profundamente sobre a Bíblia Sagrada.

“Logo no primeiro contato vi que eles estavam sensíveis ao evangelho e não perdi a oportunidade em apresentar Jesus pra eles. Eu e minha esposa ficamos muito felizes porque eles aceitaram ir pra igreja juntamente com os filhos”, pontua Joabe.

Mudança de vida
Os novos amigos da família chegaram em um momento crítico na vida do casal. Eles planejavam o divórcio, mas após conversarem bastante com os missionários, passaram a frequentar a igreja e as mudanças naturalmente aconteceram. Em pouco tempo decidiram abrir um Pequeno Grupo na própria residência a fim de convidar os vizinhos. Atualmente, cerca de 15 pessoas frequentam as reuniões semanais.

A nova fase na vida deles teve seu ponto alto no dia 14 desse mês, quando João e Sidéria Aguiar, juntamente com os quatro filhos, entraram no tanque batismal. Ao relembrar os tempos difíceis, João agradece a amizade e a preocupação que os colportores tiveram com a família dele. “Depois que a Rafaela e o Joabe começaram a orar por nós e nos aconselhar, as coisas mudaram da água pro vinho. Graças a essa força que eles nos deram conseguimos reconstruir nossa família”, emociona-se. [Equipe ASN, Luzia Paula, com informações de Harley França].

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox