Notícias Adventistas

Escola de evangelistas prepara mais de 250 voluntários

Treinamento de capacitação, motivação e testemunho mobiliza missionários do Estado de São Paulo

30 de junho de 2014

Os participantes ficaram animados para continuar apresentando Jesus ao mundo

Cotia, SP…[ASN]  Dos dias 27 a 29 de junho, aconteceu para todo o estado de São Paulo mais uma edição da Escola de Evangelistas. Cerca de 250 participantes se concentraram durante os três dias de programação no Centro de Treinamento de Cotia. O foco principal foi a capacitação daqueles que vivem para apresentar a mensagem de Cristo para outras pessoas. Além de palestras e aulas, eles também aproveitaram momentos de lazer e premiações.

Essa iniciativa surgiu devido a proposta da Igreja na América do Sul de oferecer mais qualidade para sua mensagem. Segundo o pastor Luís Gonçalves, diretor de evangelismo da IASD na América do Sul, um fator responsável por essa melhoria é a qualidade de conhecimento dos instrutores bíblicos e líderes. Ele explica que a intenção da igreja, como organização não é somente batizar pessoas, mas criar novos discípulos. “O objetivo é preparar pessoas, para saber quando, o que e como falar”, diz.

As experiências de vida de cada evangelista voluntário ganharam destaque como fonte de inspiração. O pastor Domingos de Oliveira, presidente da IASD no Estado de São Paulo, exalta os trabalhos individuais que cada cristão pode fazer, ao utilizar a vida própria como um testemunho. “Existem alguns lugares que o pastor não pode entrar. É por isso que Deus usa os semelhantes. O médico que prega para o médico; militar para o militar; taxista para o taxista; isso abre portas e tudo fica mais fácil”.

Rosa Maria, de Campinas, é um exemplo do trabalho evangelístico. Logo quando entrou para a igreja sentiu que tinha facilidade para falar com outras pessoas. “Quanto mais humilde e simples a classe é, mais eu me vejo ali dentro”, enfatiza Rosa. Ela percebeu outra característica: não tinha o perfil de viver sempre na mesma igreja, sempre com a mesma rotina. Queria ser uma missionária de cidade em cidade e assim ela fez. Sobre suas estratégias de evangelização ela é direta. “Não tenho método específico. Apenas me ponho nas mãos de Deus e agradeço pelas pessoas que ele me coloca à frente.”

Capacitar pessoas como a Rosa, é fundamental para o crescimento da igreja, segundo o pastor Emílio Abdala, líder de evangelismo para o Estado de São Paulo. Ele explica que a motivação nem sempre é o bastante, pois futuramente a frustração pode ser grande. Por isso, as instruções práticas se destacam como ponto fundamental de ensino para os voluntários.

Todos os participantes receberam um kit especial com materiais para evangelismo público. Ao final, cinco batismos surpresas foram realizados para encerrar as atividades com uma celebração especial. [Equipe ASN, Gabriel Stein de Servi]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox