Notícias Adventistas

Paulo Coelho

Paulo Coelho

Finanças em dia

Dicas, orientações e conselhos sobre como manter as contas pessoais em dia levando em conta a Bíblia.

Por que existe inflação e como ela afeta nosso dia a dia?

Um dos efeitos da inflação é diminuir o poder de compra (Foto: Shutterstock)

A inflação, aumento dos preços de bens e serviços, acontece quando existe falta de produto na economia e os usuários se dispõem a pagar mais pelo mesmo bem ou serviço. Existem várias causas que levam à inflação, que pode acontecer por questões climáticas, excesso de chuvas ou falta dela na produção agrícola.

Ainda pode se dar pelo desequilíbrio cambial, uma vez que é mais interessante para o produtor vender para o mercado externo. A inflação também pode crescer quando a procura fica maior que a oferta pelo incentivo ao crédito. Ou seja, não teve problemas climáticos, o câmbio está equilibrado, mas surgiu um interesse maior dos consumidores pelas compras.

Leia também:

Para medir a inflação foram criados índices de preços, os quais são subdivididos por setores da economia, como, por exemplo, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC). Temos, também, um indicador de maior abrangência, como é o caso do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o qual estima o custo de uma “cesta de produtos e serviços”. Os itens que compõem esta cesta são: alimentação, habitação, vestuários, transporte, saúde, despesas pessoais, educação e comunicação.

O equilíbrio entre a oferta de bens e serviços e a procura para aquisição destes permite uma inflação controlada. Quando essa balança pende para um lado ou para o outro, afeta o comportamento das pessoas. Sabendo que o produto vai sofrer reajuste de preço para cima, o consumidor vai às compras para garantir que não falte nada em sua casa, fazendo que o preço suba mais.

Ao saber que não está ocorrendo aumento de preços, o consumidor espera para efetuar a comprar em momento posterior, pois o valor pago será o mesmo se a compra se der hoje ou amanhã.

Uma terceira possibilidade ocorre quando existe uma perspectiva de que o produto irá sofrer redução de preço. Assim, o comprador espera para poder pagar mais barato pelo mesmo item. A isso se dá o nome de deflação.

Como se proteger da inflação

Para o consumidor assalariado, que tem seus rendimentos mensais e que recebe reajuste salarial uma vez ao ano, a inflação impacta fortemente e diretamente nos hábitos e costumes de compra. Ao longo do ano, a inflação corrói o valor de compra, acarretando o empobrecimento das famílias.

Por isso, manter a meta da inflação controlada é, de certa forma, uma proteção à sociedade. De qualquer modo, procure não ter dívidas e realizar investimentos que tenham rentabilidade maior que a inflação. Pense nisso e mantenha as finanças em dia.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox