Notícias Adventistas

Coluna | Emanuelle Sales

Imagem pessoal do cristão coerente

O cristão coerente é aquele que se porta e se veste como um cristão.


  • Share:

Certo dia, eu estava num salão de beleza esperando ser atendida. Peguei uma revista na mesinha de centro para passar o tempo lendo alguma coisa interessante. De repente, a primeira matéria que vejo é a de um tratamento inovador contra a calvície, oferecido por determinada clínica, prometendo solucionar de vez esse problema masculino. O irônico era que o doutor responsável, que estampava a página com sua foto, não tinha um único fio de cabelo. Como toda mulher, fui super discreta — só que não. Caí numa risada louca e tive de explicar publicamente a razão disso. Fiquei me questionando: “Como alguém pode levar a sério o trabalho desse cirurgião?”. Por mais que ele não se incomode de ser careca e prefira permanecer assim, é inevitável que perca a credibilidade por conta de sua imagem contraditória à sua profissão.

Seja lá qual for seu estilo de vida, profissão ou religião, saiba que você é seu maior marketing. Sua imagem é a recomendação da sua personalidade, especialidade e até mesmo da sua crença. Por vezes, nós nos deparamos com notícias como essa: “preso suspeito de falsidade ideológica, falsa identidade e de exercício irregular da profissão”. Você acredita que tem até médicos falsos por aí? Virou manchete no país, por exemplo, um filho que usava a identidade do pai, que é médico, para trabalhar em um hospital. Que absurdo, não? Falsidade é algo que causa repulsa e indignação nas pessoas. Qualquer um perde a credibilidade depois de uma atitude dessa. Se você carrega o título de cristão, é de se esperar esta seja uma identidade legítima. Afinal, você não gostaria de, literalmente, tomar o nome de Deus em vão, certo?

Já vimos em outras matérias nesta coluna a influência da nossa imagem, que é bem maior do que se imagina. O fato é que o que usamos afeta a forma como agimos e como o mundo nos vê. Como você tem investido no seu marketing pessoal (marca pessoal)? Cuidado ao se vestir. Tenha certeza de que sua aparência transmite exatamente sua verdadeira personalidade. Esta é a lei do dress to impress. “Mas que expressão da gringa é essa, Manu?”, você pode estar se perguntando. Veja seu significado:

“Dress to impress” é uma expressão do mercado corporativo americano que possui o seguinte significado: vista-se para ser visto. Sem exageros, sem extravagância, com discrição, mas desenvolvendo um estilo pessoal facilmente reconhecível. (Definição dada por Carlos Hilsdorf, consultor e pesquisador do comportamento humano, autor do best seller Atitudes Vencedoras)

Quando alertamos aqui para o cuidado com a aparência pessoal, incentivamos a coerência. Não se trata de julgar um livro pela capa, mas sim de acreditar que ela expressa, obviamente, seu conteúdo. E sobre você, há coerência entre sua exterioridade e sua alma? “O Senhor não vê como o homem: o homem vê a aparência, mas o Senhor vê o coração” (I Samuel 16:7). Mas para quem é que sua luz deve brilhar? “Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens” (Mateus 5:16). Deus é o único que tem poder de ver nossa alma, o homem só pode ver o que é exteriormente visível. Por isso, Deus, usando toda sua lógica e sabedoria, nos alerta quanto à imagem pessoal, pois é isso que a humanidade enxerga quando andamos pelas ruas. Quer que o mundo perceba que é filho de Rei? Porte-se como um. Aja como um. Fale como um. Vista-se como um.

Emanuelle Sales

Emanuelle Sales

Imagem & Semelhança

Beleza e vestuário analisados segundo os critérios da Bíblia Sagrada em uma linguagem mais informal.

Jornalista, é criadora do blog Bonita Adventista e autora dos livros Espelho, espelho meu... agora o espelho é Deus; Imagem & Semelhança e Filha de Rei. Viaja pelo Brasil para palestrar sobre imagem cristã, autoestima e valorização pessoal.