Notícias Adventistas

Batismo da Primavera leva Bahia e Sergipe a resultado histórico

27 de outubro de 2015

batismo1Lauro de Freitas, BA …[ASN] Nos estados da Bahia e de Sergipe, a Igreja Adventista do Sétimo Dia encerrou o mês de setembro com 4.869 batismos, resultado da campanha do Batismo da Primavera. O dado permitiu que esses dois estados do Nordeste tivessem juntos o melhor trimestre do ano, em relação a número de batismos (6.775), além de proporcionar o melhor ano da história da União Leste Brasileira em número de pessoas batizadas (são 15.616 até agora, 15.057 em 2014 e 13.972 em 2013). Os dados são do serviço de Secretaria da Igreja.

“Agradecemos a Deus por este resultado, que mostra o empenho dos irmãos nos projetos evangelísticos e também a inspiração divina conduzindo os treinamentos e materiais missionários”, disse o pastor Osmar Borges, líder de Ministério Pessoal e Evangelismo da União Leste Brasileira, sede adventista para Bahia e Sergipe. O líder de Ministério Jovem da mesma instituição, pastor Alceu Filho, ressaltou a mobilização da juventude nesta campanha, de grande apelo jovem. “O engajamento deles é fundamental para o crescimento da igreja, pelo dinamismo e pela energia contagiante da mobilização missionária da juventude”, afirmou.

Para o pastor Eber Liessi, secretário para Bahia e Sergipe, o desafio agora é manter esses novos fiéis na Igreja. “Precisamos olhar com carinho para este tema, ouvir a igreja e os pastores e buscar iniciativas que fortaleçam a permanência dos novos na fé e também de membros mais antigos”, declarou. A sugestão do líder é para que o crescimento em batismos se traduza em crescimento real dos seguidores da Igreja, participando das atividades e integrando-se ao processo de discipulado.

“Que coloquemos em prática as orientações dadas através do livro Evangelismo [Ellen White]: cada recém converso precisa de um guardião espiritual (que fará o pôr-do-sol junto, que se certificará que tem a lição da escola sabatina e que vem à igreja cada sábado, e que esteja integrando-se num pequeno grupo) e será posto a trabalhar imediatamente numa tarefa missionária, pois isso fortalecerá sua infantil fé”, conclui o pastor Liessi. (Equipe ASN, Heron Santana)

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox