Notícias Adventistas

Aumento do fluxo de pessoas na Copa mobiliza diferentes ações adventistas

Entregas de materiais na FIFA Fan Fest e em aeroporto ajudam na luta contra o turismo sexual

2 de julho de 2014
Participante do ato entrega revista Quebrando o Silêncio para pedestre interessado

Participante do ato entrega revista Quebrando o Silêncio para pedestre interessado

São Paulo, SP … [ASN] A Igreja Adventista tem aproveitado a Copa do Mundo para realizar diversos projetos. Um dos destaques é a entrega em grande quantidade de materiais da Campanha Quebrando o Silêncio, com o objetivo de alcançar o mundo inteiro. No centro de São Paulo, as três associações da capital (Paulistana, Paulista Sul e Paulista Leste), se juntaram, no primeiro dia de julho, para entregar 3,5 mil materiais, em dia de jogo.

A ação se concentrou nos arredores do Vale do Anhangabaú, local onde está sendo feita a FIFA Fan Fest, que já chegou a ter 40 mil pessoas reunidas. Para Irene Lisboa,  líder do Ministério da Mulher para o Estado de São Paulo,  a igreja se mostra presente para sociedade e impressiona as pessoas quando promove esse tipo de atividades. “Justamente porque no momento de tanta violência, desgaste e sofrimento, estamos levando paz,”  diz.

Angelo Victor que aproveitava o horário de almoço para dar uma volta no centro da cidade, se interessou muito pelo material entregue. Para ele, é sempre importante haver uma conscientização social, principalmente quando tudo é festa. “Eu tenho certeza de que o conteúdo da revista vai me impressionar bastante”, conta.

Internacional 

Saguão do Aeroporto Internacional de Guarulhos; o lugar serviu como ponto de trabalho missionário para voluntários da região

Saguão do Aeroporto Internacional de Guarulhos; o lugar serviu como ponto de trabalho missionário para voluntários da região

Segundo dados do Ministério de Turismo aproximadamente 600 mil visitantes irão passar pelo Brasil devido a competição esportiva. No Aeroporto Internacional de Guarulhos, um grupo de voluntários adventistas da Associação Paulista do Vale distribuiu materiais evangelísticos e  de educação social para muitas pessoas e em todos os comércios dos locais. Devido ao grande fluxo de pessoas, muitas delas estrangeiras, o foco principal é o combate ao turismo sexual.

Beatriz Nascimento, vendedora no aeroporto, explica que a princípio a intenção dos que cometem esse crime aparentam ser muito boas. Tratamento educado e gentil, presentes, agrados, mas tudo não serve de uma armadilha que pode comprometer a vida de muitas pessoas desavisadas.  Com os olhos  do munto inteiro voltados ao país, é importante atentar a esse perigo.

De acordo com os organizadores do projeto, no total, 60 mil materiais, entre livros, revistas e panfletos serão entregues em toda rede hoteleira de São Paulo e região, a fim de levar esse conteúdo para o máximo de lugares possíveis. [Equipe ASN, Gabriel Stein de Servi]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox