Notícias Adventistas

Sede sul-americana alcança cidade sem adventistas

Esq. para dir.: Poliana, Apoliene e Renan da Silva, primeiros adventistas batizados da cidade de Gameleira de Goiás.

Esq. para dir.: Poliana, Apoliene e Renan da Silva, primeiros adventistas batizados da cidade de Gameleira de Goiás.

Brasília, DF… [ASN] Gameleira de Goiás – esta cidade goiana, como o próprio nome já diz, fica a 143 quilômetros de Brasília e amanheceu, no dia 20 de abril, sem imaginar o impacto que receberia. Ainda sem presença adventista a cidade foi visitada por 150 servidores da sede sul-americana da Igreja que vieram realizar o Impacto Esperança – um projeto que já acontece há cinco anos em 8 países da América do Sul.

Em Gameleira houve uma demonstração do que aconteceu em várias outras localidades sul-americanas: distribuição de livros e DVDs, programa para as crianças, feira de saúde e, o principal, batismos e o lançamento da pedra fundamental da igreja que já nasce com três membros batizados e 15 pessoas frequentando a Classe Bíblica. Tudo graças à contribuição pessoal dos servidores da sede sul-americana da Igreja e ao trabalho de pioneiros de Missão Global, como é o caso de Israel Bezerra, que há três meses está na cidade e conta que estratégia de ação é baseada na amizade. “A gente atende as necessidades primeiro e logo em seguida apresenta as verdades bíblicas”.

Uma das primeiras visitas realizadas por Israel foi à casa das irmãs Poliana Antônia da Silva Santos e Apoliene da Silva. Ele não sabia, mas Poliana estava orando há mais de três anos pela chegada da Igreja Adventista em Gameleira de Goiás. Os estudos bíblicos foram feitos e nesse dia 20 de abril, as irmãs, junto com Renan da Silva Santos, filho de Poliana, foram os primeiros adventistas batizados na cidade. A cerimônia foi realizada pelo evangelista sul-americano, pastor Luís Gonçalves, que aproveitou o momento para orar junto com as outras 15 pessoas que estão participando da classe bíblica.

Durante o lançamento da Pedra Fundamental da Igreja em Gameleira de Goiás, o presidente sul-americano da Igreja, pastor Erton Köhler, destacou a força do projeto para alcançar cidades sem presença adventista. “Os livros e os DVDs são um bom ponto de contato inicial. Eles não criam barreiras, pelo contrário, abrem portas e são uma boa semente. A partir daí, com amizade, leitura e cultura, o contato com a mensagem é estabelecido e, assim, podemos firmar a presença da esperança também”.

Grupo de servidores da sede sul-americana da Igreja pronto para a distribuição de livros e DVDs.

Grupo de servidores da sede sul-americana da Igreja pronto para a distribuição de livros e DVDs.

Para o líder sul-americano de Missão Global, pastor Edison Choque, o movimento em Gameleira alcançou sucesso porque “foi um trabalho realizado em equipe, o que também foi o motivo do sucesso do Impacto Esperança em toda América do Sul”.

Os números indicam que neste ano, apenas no dia 20 de abril, os mais de dois milhões de adventistas sul-americanos entregaram cerca de sete milhões de DVDs “A Última Esperança” em português e mais de 1 milhão e 300 mil DVDs em espanhol. Com imagens feitas no Oriente Médio e parte da Ásia e Europa, o material explica o que significam as enigmáticas cartas às igrejas que estão registradas no livro bíblico do Apocalipse.

Além disso, junto com o DVD, segue a distribuição do livro “A Grande Esperança”, que já ultrapassou a marca dos 50 milhões de volumes entregues, segundo informações do vice-presidente da Igreja para a América do Sul, pastor Almir Marroni. [Equip ASN – Márcia Ebinger]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox