Notícias Adventistas

Sábado vai marcar dia dos mais de 12 mil colportores sul-americanos

Colportor é o missionário da página impressa, uma das mais antigas ações adventistas de evangelismo.

Projetos como o Missão Total e Sonhando Alto fortalecem o aspecto missionário da colportagem

Projetos como o Missão Resgate e Sonhando Alto fortalecem o aspecto missionário da colportagem

Brasília, DF … [ASN] Igrejas adventistas sul-americanas comemoram neste sábado, 27 de julho, o Dia do Colportor. O início da obra adventista, em vários países, se confunde com a própria obra da colportagem. A essência do trabalho da colportagem é a missão de levar a mensagem bíblica por meio da comercialização de livros e revistas. Foi o caso de gente como o britânico Lionel Brooking que, segundo o livro Colportor de Êxito, começou a fazer parte do apelidado ministério da página impressa em 1892 antes mesmo de ser batizado. Seu trabalhou levou várias famílias a conhecerem mais sobre Deus e os ensinamentos bíblicos. Brooking começou vendendo livros e mantendo contato com pessoas que falavam francês em terras argentinas e uruguaias. Sua missão não era apenas a de entregar material para as pessoas lerem, mas explicar a elas sobre a salvação em Cristo descrita na Bíblia.

O mesmo se dava na vida do pioneiro Luis Caleb Rodriguez, conhecido como Caleb, que trabalhou na região Nordeste do Brasil. O missionário começou seu trabalho em 1915 e os resultados de sua obra foram além dos relatórios de vendas. No livro Colportor de Êxito, de Nicolas Chaij, é dito, sobre Caleb, que “todos os membros que temos no estado do Rio Grande do Norte são resultado direto ou indireto de seu ministério. Este ano (1926) esperamos batizar de 25 a 35 pessoas, que em grande parte são fruto de seu trabalho”.
Exército que cresce – Segundo os dados da sede sul-americana adventista, até maio de 2013 o número de colportores efetivos chegou a 3.267 em oito países sul-americanos e, até março desse ano, o número de colportores estudantes chegou a 9.355. Esses estudantes estão inseridos em um projeto chamado Sonhando Alto, que tem ajudado jovens a pagarem seus estudos com o trabalho da colportagem e até se desenvolver espiritualmente.
Conforme o pastor Adilson Morais, diretor associado do Ministério de Publicações da Igreja Adventista do Sétimo Dia em oito países sul-americanos, “nas igrejas em diferentes partes da América do Sul acontecerão cultos de gratidão, homenagens e celebrações e batismos fruto deste ministério que é um dos pioneiros na Igreja. Foi através dos colportores que a obra se iniciou em diferentes países só mundo, principalmente na América só Sul. Hoje eles ainda continuam abrindo obra em bairros e cidades sem a presença Adventista. Nosso slogan é Enviados para Salvar”. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

Veja alguns testemunhos da colportagem:

E mais em http://videos.adventistas.org/pt/editoria/biblia/historias-do-projeto-sonhando-alto/

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox