Notícias Adventistas

Primeiros indígenas apinajés são batizados em Tocantins

Trabalho com indígenas leva em conta a cultura localTocantinópolis, TO … [ASN] Um casal de nativos da etnia apinajé foi batizado no início de julho durante a terceira expedição do projeto Missão Apinajé, realizada por voluntários do Centro Universitário Adventista de São Paulo, em parceria com a Igreja Adventista no Tocantins. Eles são os primeiros indígenas apinajés a se tornarem oficialmente adventistas. A cerimônia batismal aconteceu em um dos rios que banha a aldeia Cocal Grande, em Tocantinópolis, e presenciada pelos 30 nativos que vivem no local. Muitos não conteram a emoção e cederam as lágrimas.

“Foi uma cerimônia muito emocionante, pois toda a aldeia chorou de emoção com o batismo dos seus semelhantes e disseram sim para o próximo batismo que está marcado para o dia 29 de setembro”, relata o pastor adventista da cidade de Tocantinópolis, Eduardo Nogueira.

Após o batismo, 13 pessoas resolveram entregar suas vidas a Cristo, incluindo o cacique da aldeia. Um templo está sendo construído no local para abrigar os novos irmãos de pele vermelha.

Desde 2009, o casal Laudelino e Geni Dantas, juntamente com o obreiro bíblico Manoel Nascimento, visitam semanalmente os novos amigos levando informações sobre saúde, educação, qualidade de vida e também ministrando estudos bíblicos. Esse é o primeiro passo alcançado pelo Ministério Nativo entre as comunidades apinajés. Agora a igreja tem o desafio de avançar com a pregação do evangelho entre as demais 20 tribos espalhadas pela região.  [Equipe ASN, Luzia Paula]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox