Notícias Adventistas

Casal se une em matrimônio inusitado no Dia do Colportor

O casamento de um colportor e uma colportora chamou a atenção no Rio Grande do Norte

Genipabu, RN [ASN] Sob o sol forte numa das praias mais famosas do Brasil, conhecida por seu parque de dunas móveis, Genipabu, litoral norte do Rio Grande do Norte (RN), foi palco de dois grandes eventos nesse último domingo (17). Um casal de colportores resolveu selar seu matrimônio no local, por ocasião de outro dia especial para eles também, o Dia do Colportor. Cerca de 80 pessoas estiveram presentes. Era cedo ainda quando um grande grupo já subia as dunas no parque que estava decorado para uma programação diferente. Era o casamento de Renê Rocha e Suzane Rocha. A atração fora do comum chamou a atenção não só dos moradores locais, mas dos turistas que transitam por ali.

Leia também:

Segundo os noivos, que fazem parte da equipe de colportores  dessa região, a realização da cerimônia no dia de comemoração da sua profissão, foi unir dois grandes compromissos que têm para suas vidas. O enlace e a colportagem.

Noiva chega ao casamento de buggy

Noiva chega ao casamento de buggy

“Nós gostaríamos de não só comemorar o dia do colportor com eles, mas dividir com nossos amigos de profissão, esse momento especial em nossas vidas”. “Até porque era um sonho para nós”, afirmou o jovem casal.

O colportor, conhecido também como ministro da página impressa, é um vendedor autônomo que comercializa livros de saúde, família, educação, produzidos da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Os colportores não só vendem literaturas, mas estimulam as pessoas para que tenham um estilo de vida diferente.  Na Paraíba e Rio Grande do Norte são mais de 80 pessoas envolvidas nesse ministério.

Para o diretor de Publicações da Igreja para esse território, Tadeu Pereira, e também organizador de ambos os eventos, essa foi uma junção perfeita. Afinal, esses jovens, por sua paixão pelo que fazem, simbolizam uma história que começou há mais de um século, pelos pioneiros da IASD, que iniciaram as atividades da colportagem, também no lugar que só tinha natureza ao redor. “Essa igreja nasceu em um berço de papel e tinta, com a ajuda de pessoas como essas, o casal e os demais colportores. E eles hoje estão aqui não só prestigiando o casamento, mas comemorando um dia reservado para eles, por seu trabalho e dedicação a essa importante missão. E isso só mostra que a colportagem nessa localidade está viva”, comentou.

Conheça mais sobre as atividades da colportagem:

 

A festividade durou todo o restante do dia. Praia, passeio de buggy, de dromedários, banho de lagoa e tantas outras atividades preencheram o domingo de comemoração de todo o grupo.

o passeio sobre as dunas móveis de Genipabu foi uma das premiações ao grupo

O passeio sobre as dunas móveis de Genipabu foi uma das premiações ao grupo

Você poderá acompanhar como foi toda a programação na próxima sexta, 22, no Revista Novo Tempo às 20 horas, (reprises no sábado às 6 e 16 horas; no domingo às 5 horas) pelos canais: SKY 14; Oi 214 e Net 186, ou ainda pelo: novotempo.com/revista. [Equipe ASN, Andréa Figueiró]

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox