Notícias Adventistas

Projeto doa equipamentos para famílias carentes em Fortaleza

Parceria entre a Igreja Adventista e fundação suíça proporcionam melhoria de vida aos beneficiados

Diretor da fundação, Giuseppe Carbone, orientando os beneficiados do Projeto Viva Melhor (Foto: Joseph Redfield)

Fortaleza – CE [ASN] Visando contribuir para que pessoas desempregadas iniciem seu próprio negócio, no último dia 4 de abril, no auditório do Colégio Adventista de Fortaleza (CAF), o Projeto Viva Melhor, da Fundação suíça Advent-Stiftung em parceria com a Igreja Adventista de Fortaleza, beneficiou 20 pessoas com equipamentos para trabalho.

A fundação, sem fins lucrativos, atua em diversos estados brasileiros e em outros países como Guatemala, Costa Rica e El Salvador. Para a cerimônia de entrega dos materiais na capital cearense, o diretor da Fundação, Giuseppe Carbone, esteve presente e explicou a finalidade das doações. “Nosso objetivo é ver pessoas felizes vivendo do próprio negócio, com algumas economias a mais, vivendo do suor do seu próprio trabalho”, salientou.

A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) divulgada em março deste ano pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) apontou que o número de trabalhadores desempregados cresceu na Região Metropolitana de Fortaleza nos últimos dois anos, ficando com uma taxa de 13,1%. “Minha profissão era bombeiro hidráulico, mas depois que a situação apertou e fiquei desempregado, procurei novos horizontes, e comecei a fazer pastéis. Solicitei uma máquina de pastel e um bujão de gás. Agora eu sei que estou empregado, ganhei o material, é só colocar a função em prática”, explicou Francisco Lindomar.

Para receber os materiais, os beneficiados passaram por um processo de escolha que consiste na visita de voluntários do projeto que analisam o perfil para empreendedorismo de cada candidato. Eles também foram orientados quanto aos cuidados com os equipamentos, pois são intransferíveis. Foram entregues carrinhos de lanches, bicicletas cargueiras, compressor, fritadeiras de batata, freezer, dentre outros.

Conforme o jovem Felipe Nascimento, o projeto é a realização dos pedidos de suas orações. “Eu estou desempregado há três anos. Moro com meus pais, minha família é grande e pagamos aluguel. O problema financeiro afeta muito a gente.  Eu tinha o desejo de trabalhar com lanches, com a chegada do carrinho isso vai se realizar. Espero conseguir dinheiro para ajudar meus pais a terem uma casa própria e, como sou noivo, em breve me casar”, contou.

Após esse processo, os favorecidos passam a ser acompanhados por uma equipe da Assistência Solidária Adventista (ASA) que vai orientar o desenvolvimento profissional e observar os resultados. [Equipe ASN, Cida Silva]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox