Notícias Adventistas

Voluntários ajudam haitiano a trazer família para o Brasil

Campanha chamou a atenção do jornal Zero Hora e de outros veículos do Rio Grande do Sul

dsc_4201

Eliziari reencontra a família no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre

Porto Alegre, RS… [ASN] Voluntários da igreja adventista de Vila Americana, em Porto Alegre, na capital gaúcha, se mobilizaram para ajudar o auxiliar mecânico Wesli Eliazairi a trazer sua família do Haiti para o Brasil. Imigrante haitiano, ele veio ao País em busca de uma vida melhor. A ação solidária foi destaque em telejornais e portais de notícias gaúchos.

Leia também:

A iniciativa foi divulgada pelo colunista do Zero Hora Léo Gerchmann e pelo Jornal Pampa, telejornal da emissora filiada da Record para o Estado.

Há um ano e meio atrás, Elizairi, de 26 anos, despediu-se da esposa Julia e dos filhos Wendel, 2 anos e 6 meses, e Wellington, de 11 meses,  para vir ao Brasil. Seu sonho era trazê-los em breve para perto de si.

Ele estabeleceu-se em Porto Alegre, capital gaúcha, e começou a trabalhar como auxiliar mecânico em uma oficina de caminhões da cidade. Porém, sua renda não lhe permitia juntar o valor suficiente para trazer sua família ao País.

Em janeiro deste ano, ele conheceu um templo adventista localizado em Vila Americana, Alvorada, a qual passou a frequentar. Sensibilizados pela situação, voluntários da igreja criaram a campanha para ajudá-lo a trazer sua família, que foi chamada de “O Sonho de Wesli”.

Esforço conjunto

De janeiro até agosto, eles arrecadaram cerca de R$ 12 mil reais, valor que foi revertido na compra de passagens. Também conseguiram uma casa para a família morar e doaram todos os móveis e itens básicos para um lar, além de roupas e fraldas.  “Quando descobrimos o sonho de Wesli ficamos sensibilizados e decidimos ajudar”, conta Everaldo Carlos, pastor da igreja e um dos organizadores da iniciativa.

Segundo o ministro, um núcleo de cerca de vinte ou trinta jovens esteve diretamente envolvido na organização da campanha, que foi divulgada na internet e de forma pessoal. Um evento específico também foi criado para levantar fundos para a campanha. Mais de 400 pessoas, inclusive de outros Estados, se envolveram.  “Nosso povo gosta de boas causas”, acrescenta o pastor.

Após cerca de um ano e meio sozinho no Brasil, às 12 horas do dia 8 de setembro Elizairi pode finalmente receber sua família no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre.  Ao abraçar a esposa e os dois filhos, ele não conseguiu pronunciar muitas palavras, mas agradeceu a boa ação. “Obrigado. Não tenho como agradecer, estou muito, muito feliz”, relata.  [Equipe ASN, Andréia Silva]

Acompanhe a reportagem da TV Pampa:

Veja as fotos e imagens da coluna do Zero Hora

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox