Notícias Adventistas

Número de Pequenos Grupos cresce 40% no oeste do Pará

O projeto foi celebrado no último sábado pelos pequenos grupos das igrejas. O escritório da sede administrativa da igreja teve também uma confraternização especial na quinta-feira com os Pequenos Grupos de servidores

Líderes dos Pequenos Grupos da Igreja da Interventoria, em Santarém-PA

Líderes dos Pequenos Grupos da Igreja da Interventoria, em Santarém-PA

Santarém, PA… [ASN] Desde o último sábado, 6 de agosto, as Igrejas Adventistas do oeste do Pará estão celebrando o projeto de Multiplicação de Pequenos Grupos (PGs). Programações especiais foram realizadas pelos PGs nas igrejas e também fora delas. Apenas neste dia foram mais de 200 batismos nas igrejas da região. Alguns grupos se reuniram logo na sexta-feira para celebrar o projeto.

No oeste do Pará os PGs fazem parte da plataforma “Sou Discípulo, Sou Discipulador”, que incentiva cada membro a discipular alguém, convidando a participar das reuniões. Desta maneira o Pequeno Grupo cresce e pode, então ocorrer a multiplicação.

Para o pastor Laurentino Andrade, líder geral do Ministério Pessoal, departamento responsável pelos PGs e Duplas, “ter um processo de discipulado contribui muito para a multiplicação”.

Com esta visão os PGs aceitaram o desafio de se dividir em Duplas Missionárias para o cumprimento da missão. Com o trabalho destas duplas, o trabalho de fazer um PG crescer até o ponto de se dividir para, então, multiplicar (passando de um PG para dois), é mais eficaz.

Os Pequenos Grupos têm alavancado o trabalho da igreja por aproximar mais os membros, facilitar a criação de amizades e fazer com que todos se sintam parte de uma família. Por isso, o projeto busca aumentar o número destes grupos, de maneira a alcançar todos os membros das igrejas e também as comunidades.

“Temos percebido um número cada vez maior de discípulos envolvidos no cumprimento da missão. Temos mais líderes, que por sua vez, fazem o papel de discipuladores. Com esse sistema prático de pastoreio temos menos apostasia e, como resultado de tudo isso, uma igreja que cresce de forma integral e saudável”, disse o pastor Renato Seixas, presidente da Igreja Adventista na região.

Reviane Batista foi batizada após ser acolhida por amigos em um PG e conhecer mais de Jesus.

Reviane Batista foi batizada após ter feito amizades que a incentivaram a buscar uma vida melhor.

No sábado, diversos grupos testemunharam das bênçãos alcançadas através deste trabalho que vai além das paredes das igrejas. Um exemplo foi o caso da jovem Reviane Batista, de apenas 17 anos, que passou por uma mudança de vida após ter sido convidada a participar do Pequeno Grupo de um clube de Desbravadores. Foi ali que ela se sentiu acolhida e aprendeu mais sobre Jesus. O apoio e incentivo que recebeu da amiga, Claudineia, foi fundamental na sua decisão de ser batizada e o batismo foi celebrado no sábado, dia 6, na Igreja da Interventoria, em Santarém.

Em Itaituba o trabalho de multiplicação foi realizado de duas maneiras: PG protótipo e discipulado de líder associado. O PG protótipo reúne um grupo de líderes em potencial que recebem treinamento para que possam ter um Pequeno Grupo. Já os líderes associados são aqueles que trabalham lado a lado com os líderes de PGs e são discipulados por eles para liderar um grupo quando ocorrer a multiplicação.

Apenas no distrito Central de Itaituba, o número de PGs cresceu de 10 para 23. Destes, quatro foram resultado do PG protótipo e outros seis surgiram quando o líder associado já estava preparado para assumir a liderança de um PG. Neste distrito, apenas neste ano mais de 50 batismos foram resultados diretos do trabalho dos Pequenos Grupos.

Pequenos Grupos no oeste do Pará

A região oeste do Pará conta, hoje, com 1.084 Pequenos Grupos, número 40% maior em relação ao período anterior ao projeto de Multiplicação, quando a igreja contava com 776 PGs.

Para o pastor Renato Seixas, os PGs são fundamentais para a obra. “Em primeiro lugar, precisamos fortalecer a visão de uma vida em comunidade por que esse é o método de Cristo. Em segundo lugar, por ser a melhor maneira de evangelizar e discipular pessoas e, acima de tudo, porque este é um canal aberto para a multiplicação. Multiplicando, estamos apresando a vinda do reino de Deus. Quando multiplicamos PGs, Duplas, Discípulos estamos apressando a volta de Jesus”.

Celebração entre os servidores da Missão Oeste do Pará

Celebração teve testemunhos, cânticos e uma mensagens especiais.

Celebração teve testemunhos, cânticos e uma mensagens especiais.

Os servidores da Missão Oeste do Pará (MOPa), sede administrativa da Igreja Adventista na região, também fizeram uma celebração nesta quinta-feira, 11 de agosto, pelo trabalho dos quatro PGs que compõem o escritório. Na ocasião, eles relembraram as ações já realizadas por eles como distribuição de sopas, visita a asilos, confraternizações entre amigos e outras.

Os servidores da MOPa se reúnem em Pequenos Grupos na manhã de todas as quintas-feiras, durante o horário de culto dos funcionários, às 7h30. Nestes dias o culto é diferenciado, com lições específicas que incentivam os cristãos a buscarem constantemente o amor de Cristo. [Equipe ASN, Thays Silva]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox