Notícias Adventistas

Missão Calebe 2017 prepara líderes para trabalho voluntário no sul do Paraná

4 mil participantes em 72 pontos diferentes é o sonho para a Missão Calebe 7.0 no território.

Desbravadores, Aventureiros e Geração 148 trabalharão juntos em diferentes frentes.

Desbravadores, Aventureiros e Geração 148 trabalharão juntos em diferentes frentes.

Matinhos, PR…[ASN] O exército da Missão Calebe 7.0 no sul do Paraná já está sendo formado. Mas antes de entrar em ação, é preciso preparo e planejamento. E foi justamente isso que o Ministério Jovem com o apoio dos Desbravadores, Aventureiros e Ministério da Criança proporcionou aos 237 líderes que estiveram no Guaciara, em Matinhos, no último fim de semana, para um treinamento.

O encontro foi o momento de planejar e direcionar as atividades que serão realizadas em janeiro.

O encontro foi o momento de planejar e direcionar as atividades que serão realizadas em janeiro.

Cada distrito enviou três representantes que irão liderar a Missão Calebe em sua região, em diferentes tarefas que envolvem Desbravadores atuando em ações sociais, Aventureiros promovendo Escola Cristã de Férias e os jovens do G148 responsáveis pelo evangelismo. Além das frentes de trabalho, cada grupo estabeleceu a ênfase missionária que direcionará os planos de ação – plantio de igrejas, fortificação de igrejas ou resgate de pessoas afastadas.

“Nós acreditamos que vamos ter a possibilidade de ter mais Calebes e Calebes mais preparados, que vão ter condições de trazer um resultado muito melhor. Com uma liderança que sabe o que vai fazer será muito mais fácil fazer com que tudo funcione” acredita o líder do Ministério Jovem no sul do Paraná, pastor Samuel Camilo.

Exemplos práticos de iniciativas que podem entrar em ação neste trabalho foram apresentadas por pastores distritais que expuseram suas próprias experiências. O líder da Igreja Adventista no sul do Paraná, pastor Williams César e o líder do Ministério Jovem no Sul do Brasil, pastor Elmar Borges também estiveram presentes no treinamento.

O nascimento de um Calebe

Uma Santa Ceia consagrou os 237 participantes para o trabalho.

Uma Santa Ceia consagrou os 237 participantes para o trabalho.

O encontro não apenas capacitou, mas motivou e consagrou os líderes que atuarão em 72 pontos de Missão Calebe espalhados pelo sul do Paraná, em janeiro de 2017. Para isso, uma cerimônia de Santa Ceia, com lava pés na beira do mar foi organizado para os participantes que também receberam sua camiseta e faixa oficiais do projeto, além do batismo de Cláudia Viel, que encerrou a programação.

A jovem de 22 anos frequentava uma outra denominação, onde dedicada aos ministérios da igreja, quase se tornando uma líder. Entretanto, em meio aos estudos da Bíblia, Cláudia foi surpreendida com a mensagem do sábado. Do Velho ao Novo Testamento, ela buscou respostas sobre este tema, e notou as verdades que antes estavam ocultas diante de seus olhos.

Foi quando a decisão de deixar os ensinamentos desta igreja se tornou forte. Cláudia em conversa com seu líder e seu pastor, expôs as descobertas que havia feito. Com base bíblica, explicou suas convicções. Entretanto, sua posição não foi bem compreendida e acabou sendo expulsa do grupo que frequentava.

“Fiquei feliz que o Senhor estava me mostrando as verdades. Saiu um peso das minhas costas, fiquei aliviada. Após a conversa fui embora e fiquei em dúvida se ia para a Igreja Adventista ou não. Aí lembrei de uma amiga minha que era adventista e que já tinha me falado sobre o sábado, mas eu não tinha reparado porque não enxergava o presente que Deus tinha para mim que era o sábado”, conta Cláudia.

Para a surpresa de todos, Cláudia foi batizada no treinamento e já se comprometeu em participar ativamente da Missão Calebe.

Para a surpresa de todos, Cláudia foi batizada no treinamento e já se comprometeu em participar ativamente da Missão Calebe.

Foi então que ela começou a frequentar a Igreja Adventista Central do Tatuquara, em Curitiba. Acolhida pelos fiéis, a jovem passou a fazer parte do Geração 148. Nas movimentações da igreja, Cláudia se envolvia. Entre uma delas, o pastor Samuel Camilo conheceu sua história e a convidou para participar do treinamento da Missão Calebe. Prontamente o convite foi aceito.

E neste encontro Cláudia se sentiu tocada. Embaixo de chuva, dentro de uma piscina, rodeada de novos amigos, Cláudia entregou sua vida a Jesus, foi batizada e definitivamente se tornou um Calebe.

“Mais uma vez estou dizendo não para o mundo e sim para Cristo. Estou com os dois pés na Missão Calebe e no Geração 148 para trazer mais pessoas a Jesus. Muitos serão alcançados”, declara Cláudia que planeja em estar na liderança da Missão Calebe no Tatuquara.

Após o treinamento, os líderes voltam às suas igrejas com a tarefa de recrutar participantes para a Missão Calebe e se preparar para o culto de consagração do grupo que acontecerá em cada igreja local no dia 1º de outubro. O plano é reunir 4 mil participantes nesta edição do projeto.

A Missão Calebe em Curitiba e região metropolitana acontecerá dos dias 14 a 28 de janeiro. No litoral e interior do Estado a movimentação começa no dia 21 de janeiro, encerrando no dia 4 de fevereiro. [Equipe ASN, Jéssica Guidolin/ Fotos: Fabiano Silva]

Veja mais fotos:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox