Notícias Adventistas

Igreja em Ruanda ganha mais de 100 mil novos membros

Resultado foi obtido a partir do comprometimento dos adventistas do país em discipular outras pessoas

Igreja-em-Ruanda-ganha-mais-de-100-mil-novos-membros

Homem é batizado em uma piscina durante as reuniões em Ruanda (Foto: ECD / ADAMS)

Ruanda, África… [ASN] O número de pessoas batizadas depois de uma campanha evangelística realizada de 13 a 28 de maio em Ruanda, na África, chegou a 100.135. As reuniões ocorreram em 2.227 lugares de todo o país.

“A experiência de Ruanda não é nada menos que um milagre maravilhoso”, enfatiza Duane McKey, que supervisiona a iniciativa da Igreja Adventista chamada Envolvimento Total dos Membros. “Estivemos em Ruanda várias vezes e passamos 10 anos no país vizinho, Congo, mas nunca vimos nada parecido com isso.”

Igreja-em-Ruanda-ganha-mais-de-100-mil-novos-membros3Os líderes da Igreja na localidade creditaram o número recorde ao Envolvimento Total dos Membros. Os adventistas e os recém-batizados foram convidados a trazer pelo menos uma pessoa a Cristo, e muitos evangelizaram suas comunidades com estudos bíblicos e doações de novas casas, gado, remédios e seguro de saúde.

No final das reuniões, em 28 de maio, cerca de 95.900 pessoas haviam sido batizadas, um número que superou o recorde anterior de 30 mil batismos depois de uma série evangelística nacional no Zimbábue, em maio de 2015. Quando as reuniões evangelísticas começaram, a Igreja Adventista tinha 720 mil membros em Ruanda, país de 11,8 milhões de habitantes.

Fazer novos discípulos

A Igreja Adventista está trabalhando com a Adventist-laymen’s Services and Industries (ASI) – equivalente à Federação dos Empreendedores Adventistas do Brasil -, um ministério de apoio da organização, para construir mil Igrejas de Um Dia para os novos membros.

A próxima grande campanha evangelística está agendada para ser realizada no início de 2017 em toda a Romênia e grande parte da antiga União Soviética. Ted N.C. Wilson, presidente da Igreja Adventista mundial, reforça que a “realização inacreditável” em Ruanda “é nada menos que o poder do Espírito Santo para nos ajudar a ver que a última chuva cai em breve.”

“A chave era ter um esforço alegre e combinado entre os pastores e os membros leigos sob a orientação do Espírito Santo”, destaca Wilson, que liderou uma série de reuniões na cidade de Gisenyi durante a campanha. “Vamos todos, em todos os lugares, participar humildemente através do poder de Deus do Envolvimento Total dos Membros. Os eventos do mundo em uma base diária nos dizem que Jesus está vindo em breve. Vamos nos comprometer totalmente ao Senhor, à proclamação das três mensagens angélicas e à Sua breve volta.” [Equipe Adventist Review, Andrew McChesney]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox