Notícias Adventistas

Adventistas voltam atenção ao Ministério da Terceira Idade

A chamada terceira idade, com projeção de crescimento no mundo nos próximos anos, é objeto de maior preocupação adventista

Mais do que promover a integração social. Ministério da Terceira Idade procura motivar o cumprimento da missão.

Mais do que promover a integração social. Ministério da Terceira Idade procura motivar o cumprimento da missão.

Brasília, DF … [ASN] O Brasil deverá ser, até 2025, o sexto país com a maior população de idosos. Essa é a avaliação que especialistas fizeram, em julho desse ano, durante evento da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Estima-se que, até 2025, serão 31,8 milhões de pessoas com mais de 60 anos de idade vivendo no Brasil. No mundo, mais de 800 milhões de pessoas tem mais de 60 anos (cerca de 12% da população total) e este número crescerá rapidamente, com a expectativa de chegar a mais de 2 bilhões (21% da população do mundo) até 2050. De olho nesse panorama, a Igreja Adventista do Sétimo Dia sul-americana votou, em maio desse ano, que o Ministério da Terceira Idade ganhará uma atenção maior a partir de agora.

Leia também:

A primeira novidade é que esse ministério passa a fazer parte de um departamento chamado Associação Ministerial, responsável já pelo trabalho dos pastores, anciãos (líderes leigos das congregações locais), diáconos e diaconisas. Na congregação local, ficou definido que a Comissão da Igreja (instância máxima de decisões) se encarregará de criar uma comissão para gerenciar as atividades relacionadas à terceira idade. Entre os adventistas de oito países sul-americanos, segundo estatísticas da Secretaria Executiva, pelo menos 15% dos membros possuem idade acima de 60 anos.

Estrutura do ministério

O pastor Carlos Hein, líder da Associação Ministerial na sede sul-americana adventista, explica que esse ministério não se limita apenas a atividades sociais. “Essa integração entre pessoas mais experientes é muito importante, mas nosso objetivo é que as pessoas da chamada terceira idade se envolvam completamente com o cumprimento da missão também dentro de sua realidade e dons”, comenta.

A recomendação da Igreja é que os ministérios de terceira idade atuem, da mesma forma como os demais departamentos, a partir do tripé Comunhão, Relacionamento e Missão. Ou seja, que esse grupo se envolva com atividades, programas e ações para uma maior busca de Deus (projeto Primeiro Deus), envolvimento em pequenos grupos e no testemunho constante por meio de seus dons. “Nessa parte de relacionamento, ressaltamos a importância de a família promover um ambiente de acolhimento e aceitação do idoso, onde sua experiência de vida seja aproveitada e suas necessidades emocionais, físicas e espirituais sejam atendidas”, completa o pastor Lucas Alves, associado na Associação Ministerial da sede sul-americana adventista.

O que pode ser feito no Ministério da Terceira Idade? 

  1. Motivar a devoção pessoal dos idosos na primeira hora do dia.
  2. Realizar cultos e reuniões especiais no horário do pôr do sol entre sexta e sábado.
  3. Comemorar aniversários, bodas de casamento, batismos, etc.
  4. Motivar a participação de idosos em pequenos grupos.
  5. Treinar voluntários para diversas atividades na igreja local com foco na inclusão da terceira idade.
  6. Estimular atividades de integração entre diferentes gerações.
  7. Proporcionar atividades lúdicas, de lazer e culturais.
  8. Oportunizar momentos de convívio social, criação e fortalecimento de amizades.
  9. Promover viagens, excursões, passeios e visitas.
  10. Orientar e informar sobre serviços destinados aos idosos com baixo custo e fácil acesso. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox