Notícias Adventistas

Projeto de comunhão com Deus para crianças é iniciado no sul do Paraná

O projeto Guardiões do Tesouro chegará a mil crianças no território.

O projeto é destinado às crianças, porém é necessário o auxílio dos pais.

O projeto é destinado às crianças, porém é necessário o auxílio dos pais.

Curitiba, PR…[ASN] As crianças de 6 a 12 anos no sul do Paraná estão embarcando em uma aventura diferente por meio do projeto Guardiões do Tesouro, que consiste em trabalhar com essa faixa etária aspectos que englobam a comunhão e adoração a Deus. Acompanhados da garota Nelle, personagem central do projeto, os pequenos participarão da jornada espiritual com 40 temas diários a serem estudados com o auxílio de uma apostila, DVD e um diário de bordo.

Antes de receberem o material para ser estudado em casa com o acompanhamento dos pais, as crianças participam de uma programação que lança e explica o projeto por meio de encenações.

13492835_1132657590089371_2060606496_n

A apostila direciona os temas a serem estudados diariamente. Já o diário de bordo registra os desafios a serem cumpridos pelas crianças.

“No final do programa, a criança e os pais se comprometem a fazer as 40 madrugadas com Deus. A apostila contém o tema de cada dia que será estudado durante a meditação matinal da criança, e também terá um desafio a ser cumprido. Quando ela cumpre o desafio, o pai cola um selo em seu diário de bordo, mostrando que a tarefa foi concluída”, explica a líder das crianças no sul do Paraná, Júlia Cardoso.

Por meio das aventuras de Nelle em países diferentes da América do Sul, os conceitos da comunhão, cuidado com o corpo, fidelidade, talentos, entre outros, são apresentados às crianças. A iniciativa que abrange a Igreja Adventista em países sul-americanos, é uma parceria do Ministério da Criança com o Ministério de Mordomia.

Assuntos como esses não são coisas apenas de gente grande. Segundo o líder de Mordomia no sul do Paraná, pastor Pablo Flor, é fundamental apresentar esse conteúdo aos menores, pois estão em uma fase de maior aceitação e absorção, sem contar na importância da formação de adoradores. “A gente entende que falar isso para as crianças é se preocupar com as novas gerações. Quando estudamos esses conceitos, estamos trabalhando com a formação de novos adoradores. De alguma maneira eles vão descobrir os tesouros de Deus, mas também serão guardiões deles”, acredita.

O objetivo é desenvolver os Guardiões do Tesouro este ano, no sul do Paraná, com mil crianças, em 15 distritos. E o primeiro grupo a começar o projeto foi o distrito do Tatuquara, que teve a presença de mais de 80 crianças, no último domingo (19), dispostas a participar da jornada espiritual.

A ideia é que após os 40 dias, seja possível criar nos pequenos um hábito de comunhão constante com Deus. [Equipe ASN, Jéssica Guidolin]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox