Notícias Adventistas

Escola Cristã de Férias aproxima comunidade de outros projetos da Igreja

Em Goiás, além de oferecer atividades às crianças, iniciativa também tem atendido famílias carentes com cestas básicas

IMG_0022

Crianças ganham refeição reforçada no intervalo das aulas

Valparaíso, GO… [ASN] No bairro Jardim Céu Azul, em Valparaíso de Goiás, a movimentação em uma escola municipal tem chamado a atenção dos moradores. Afinal, janeiro é um período de descanso. Porém, a igreja adventista local aproveitou a oportunidade para realizar uma edição da Escola Cristã de Férias. Com o apoio da prefeitura, que tem divulgado a iniciativa na região, o projeto, que teve início no dia 8, atende mais de 100 crianças com idades entre 4 e 12 anos.

Leia também:

Este é o segundo ano da iniciativa na Escola Municipal Céu Azul. A coordenadora da iniciativa, Edneia Carvalho, explica que o foco não é atender apenas crianças que já frequentam a igreja, mas sim as da comunidade. Neste ano, cerca de 90% delas não são adventistas. “Temos uma comunidade bastante carente. Inclusive, há crianças aqui que o único lanche [que recebem] no dia é o que a gente fornece. Com isso conseguimos ter uma aproximação maior com os moradores locais. Ontem já saíram cestas básicas para pessoas que estão participando aqui”, conta.

IMG_0083

Trabalhos manuais fazem parte do cronograma de atividades

Mais de 30 voluntários estão envolvidos na organização da Escola Cristã de Férias e o objetivo de cada um deles é um só: mostrar a Cristo suprindo as necessidades físicas, mentais e espirituais de seus filhos. Alexandro Ferreira tem 8 anos e este é o segundo ano em que participa do projeto. Em 2016 o garoto conheceu o Clube de Aventureiros através da Escola Cristã. O que lhe chamou a atenção? O uniforme. Mas o que lhe mantém lá até hoje é o desejo de aprender mais sobre Jesus. “Nos ensinam coisas boas, como ajudar os outros”, pontua.

Eryk Fernandes, de 8 anos, não hesita ao responder por que gosta de aprender sobre Jesus. “Porque Ele é o nosso salvador”, destaca. Edneia conta que graças à mudança de comportamento do garoto, seu irmão mais velho pediu estudos bíblicos. Clara Pereira tem 9 anos e, segundo ela, a Escola Cristã de Férias ajuda as crianças a ficarem longe do “mau caminho”. “Gosto muito daqui. Que pena que já está acabando, não é?”, lamenta a garotinha, que diz que sentirá falta dos professores e colegas.

De acordo com Edneia, alguns dos participantes do projeto têm parentes ou conhecidos que estão presos ou envolvidos com a criminalidade, e ressalta o papel missionário da iniciativa. “Esta é a única oportunidade que muitos deles têm de ouvir sobre o amor de Deus. Através dessas crianças, outros familiares também entram em contato com o evangelho”, se alegra. [Equipe ASN, Pâmela Meireles]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox