Notícias Adventistas

Pastor adventista relata sua experiência depois do atentado em Istambul

Atentado na Turquia foi presenciado por orador de programa adventista de rádio da Argentina

Resultados da destruição com a explosão. Foto tirada pelo pastor adventista.

Resultados da destruição com a explosão. Foto tirada pelo pastor adventista.

Istambul, Turquia … [ASN] Por volta das 22 horas da terça-feira, dia 28, ocorreu um ataque terrorista no aeroporto internacional Atatürk, Turquia, um dos mais movimentados do mundo. De acordo com o primeiro ministro da Turquia, Binali Yildirim, o último balanço registra, pelo menos, mais de 40 mortos e mais de 230 feridos. Entre os mortos, há 13 estrangeiros: sauditas, iraquianos, tunisiano, usbeque, chinês, iraniano, ucraniano e jordaniano.

Leia também:

O apresentador do programa radiofônico argentino, Una Luz en el Camino, chegou a Istambul, no aeroporto Atatürk, na noite mais escura que já viveu. Trata-se do pastor José Plescia, que fazia escala em Istambul para seguir viagem para a Espanha. Por telefone, Plescia lembrou que eles ficaram em um pequeno corredor até que em uma lanchonete viram, pela televisão, o atentado que acabara de ocorrer, poucos minutos antes de sua aterrissagem.

O pastor relembra que muitas pessoas ouviam rumores de tiroteio e entravam em pânico: “As pessoas saíam correndo para qualquer lado”, relembra. Ele enfatiza que o atentado havia acabado de ocorrer. Plescia viajava com a esposa e teve de esperar até às cinco horas da manhã para deixarem o aeroporto. “Permanecemos quase toda a noite sem podermos sentar”, comenta.

Durante a entrevista, Plescia conta que teve de acalmar a uma mulher italiana que estava muito nervosa e preocupada. Ele lhe perguntou se ela cria e Deus ao que ela respondeu afirmativamente e então o pastor acrescentou: “fique tranquila, nós já oramos a Deus e Ele está cuidando de nós”.

Manifestação oficial adventista

O pastor Rick McEdward, presidente da região administrativa conhecida como União Oriente Médio e África do Norte da Igreja Adventista do Sétimo Dia, juntou-se aos adventistas em toda a região em oração pelas pessoas afetadas pelo atentado suicida ocorrido.

“A família da igreja, assim como a MENA (acrônimo em inglês para a União Oriente Médio e África do Norte da Igreja Adventista), estão orando pelas famílias dos mortos e pelos que estão nos hospitais se recuperando”, disse McEdward, líder da União, em um comunicado enviado por e-mail. “Visto que Istambul é um dos principais centros de tráfego aéreo da região, esse ataque se faz sentir perto de casa”, ele disse. “Nosso pessoal e famílias passam frequentemente por esse aeroporto”, completou.

O pastor Ted Wilson, presidente mundial adventista, também afirmou que orou “pelas famílias que perderam seus entes queridos; pelo povo da Turquia e pelas agências governamentais que têm de lidar com essas situações trágicas. Orei pelo trabalho de nossa igreja na União Oriente Médio e Norte da África e por suas importantes atividades”.

Wilson ecoou esse sentimento, dizendo: “foquemos na obra impressionantemente grande que Deus confiou às mãos dos adventistas do sétimo dia de anunciar Seu plano de salvação, através de Cristo, para proclamar as três mensagens angélicas, levando o povo de volta ao verdadeiro culto a Deus, mostrando o cristianismo prático pelo Envolvimento Total do Membro para alcançar as pessoas e para proclamar a breve vinda de Jesus Cristo. Pela graça de Deus, descartemos as coisas superficiais que nos distraem de nossa verdadeira missão”. [Equipe ASN, Alexis Villar com informações de Andrew McChesney]

Ouça a entrevista completa e conheça os detalhes do testemunho do Pastor José Plescia (em espanhol).

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox