Notícias Adventistas

Idosa monta “cantinho do amor” em casa e arrecada cestas básicas para necessitados

Arinda e sua nora entregam cesta básica a uma mulher em situação de rua.

Um exemplo de amor ao próximo! Há mais de 25 anos, a aposentada Arinda Rosa da Silva, de 72 anos, trabalha arrecadando cestas básicas e donativos para doar à famílias carentes da comunidade onde mora.  Dona Arinda, como é conhecida, já ajudou pessoas em Marataízes, Baixo Guandu e, agora, Nova Almeida, na Serra.

Este ano, para o Natal, a idosa criou um “cantinho do amor” em sua casa, onde guarda todas as doações recebidas. Ela conta que estimulou outros membros da igreja e de sua família a fazerem o mesmo para que, no fim da campanha, as arrecadações sejam reunidas e virem um grande montante. “ Já tem mais de 30 cestas básicas, que vieram de comerciantes e amigos que ouviram meu apelo”, diz.

Ela sempre esteve à frente dos programas solidários, como o Mutirão de Natal. Mas, seu desejo em ajudar foi além. Em Nova Almeida, por exemplo, ela sai visitando as famílias e conhecendo as necessidades de cada uma delas. Recebe todos em sua casa, como se fossem antigos amigos. “ Mesmo com dores por conta da idade, procuro saber o que cada um preciso e busco doações”, conta.

Na última semana, dona Arinda se deparou com uma situação alarmante em seu bairro e decidiu ajudar. Uma família estava vivendo acampada na rua e, com as chuvas, a situação estava bem complicada. Ela levou, com seu filho e nora, alimentos para o local. “ Tem famílias que precisam tanto que não dá para esperar até o natal e essa foi uma delas. Vamos continuar ajudando”, explicou.

O retorno para tanto esforço não vem em dinheiro ou reconhecimento público. “ É a sensação de fazer um pouco para diminuir o sofrimento do outro. A alegria no olhar de um pai ao receber o alimento ou o sorriso de uma criança ao receber uma roupa nova não tem preço”, explica.

Mais de 600 igrejas adventistas estão envolvidas no projeto Mutirão de Natal no Espírito Santo. No mês de dezembro, várias ações acontecerão como gincanas solidárias, bazar, ceias para moradores em situação de rua e doações diversas em orfanatos, asilos e centros de apoio.

Mais de 500 mil voluntários no Brasil

O projeto Mutirão de Natal, que nasceu em 1994, é realizado em todo o Brasil pela Igreja Adventista do Sétimo Dia. Igrejas, escolas, entidade de classe, órgãos governamentais, profissionais liberais e mais de 500 mil voluntários formam um exército que já recolheu alimentos das mãos de cerca de 1 milhão de doadores para formar 700 mil cestas básicas, auxiliando, até hoje, em torno de 2,5 milhões de pessoas de baixa renda. De 1994 a 2010, foram arrecadadas 29.346 toneladas de alimentos. Além da doação de roupas e alimentos, o Mutirão conta com ações sociais realizadas ao longo do ano, atendendo pessoas em situação de rua, presidiários e acompanhantes de pacientes em hospitais.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox