Notícias Adventistas

Voluntários realizam feira de saúde para mulheres em situação de rua

As beneficiadas receberam orientações sobre prevenção do câncer de mama, saúde em geral e serviços de beleza

Por Ayanne Karoline

Mulheres receberam orientações sobre o câncer de mama

Orientações sobre o câncer de mama, saúde em geral e até serviços de beleza foram oferecidos para mulheres em situação de rua nesta terça-feira (24), das 8h às 11h, no Centro de Referência Especializado de Assistência Social para População de Rua (Centro-Pop), em Vitória, Espírito Santo. A ação, em alusão à campanha Outubro Rosa, foi promovida pela Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Entre os profissionais voluntários que atenderam, estavam 18 enfermeiros da faculdade Doctum, técnicos de enfermagem, psicólogo, professor de educação física, esteticista, manicure e cabeleireiros. Foram dadas orientações sobre o autoexame – com manequim prático – e como procurar serviços de saúde na rede pública para outros exames. Também foram feitos teste de glicose, pesagem, aferição de pressão e verificações básicas de saúde.

Confira reportagem da TV Tribuna (SBT) sobre a ação

 

“Entendemos que esse público, muitas vezes esquecido, também precisa ser alcançado com as informações. Os profissionais foram preparados para detectar algum tipo de problema na saúde e encaminhá-los para a rede de saúde pública”, ressaltou o organizador do evento, Paulo Furtunato.

Uma das participantes foi a Jane Rodrigues da Silva, que ressaltou a importância do atendimento que recebeu. “ É tão bom alguém para cuidar da nossa saúde. Isso é muito raro, podia acontecer mais vezes”, disse.

Na parte da beleza, cuidados com as unhas, massagens nos pés, design de sobrancelhas e corte de cabelo estavam à disposição de mulheres e homens. “Gostei muita de participar, nem sempre temos isso aqui. Fiz unha e sobrancelha”, disse Camila Simões.

Voluntárias cuidaram do visual das mulheres

Sorriso no rosto de Camila e felicidade em dobro para a esteticista Iatiara de Paula. Ela e outras funcionárias do salão Studio Camarim, de Vila Velha, montaram uma estrutura completa para atender às mulheres. “A alegria que vemos nessas mulheres é igual ou maior do que vemos nas nossas clientes, pois tiveram um pouco de sua autoestima recuperada. Com certeza, nós recebemos muito mais do que elas. É gratificante!”, afirmou.

Centro-Pop

No espaço, pessoas em situação de rua são acolhidas, recebem kit de higiene pessoal, podem tomar banho e se alimentar. Os usuários também têm atendimento psicossocial e participam de oficinas de socioeducativas. As atividades são voltadas para a reinserção familiar dessas pessoas. Com capacidade para atender 100 pessoas por dia, o Centro-Pop também recebe doações de roupas, cobertores, móveis, entre outras.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox