Notícias Adventistas

Templo adventista é inaugurado em bairro nobre de São Paulo

O objetivo é atender pessoas de classe média e alta com uma abordagem bíblica contemporânea.

Momento do descerramento da Comunidade Adventista do Morumbi,

Morumbi, SP… [ASN] No dia 12 de agosto, sábado, a sede administrativa da Igreja Adventista da região sul do Estado de São Paulo (Associação Paulista Sul) inaugurou a Comunidade Adventista do Morumbi (CAM), região nobre da capital paulista. O templo tem capacidade para 500 pessoas e o objetivo é atender pessoas de classe média e alta com uma abordagem bíblica contemporânea. Entre os presentes, estavam o presidente da denominação para toda a América do Sul, pastor Erton Köhler e Domingos Sousa, o presidente no Estado de São Paulo.

Leia também: Documento mostra rotina de sabatistas no mundo 

Um dos fieis que frequentam o templo, o arquiteto Ricardo Rossi, projetou a planta arquitetônica pensando no bem-estar dos visitantes. “A arquitetura da Igreja proporciona uma sensação única de aconchego ao visitante e, ao mesmo tempo, reforça toda a mensagem bíblica que está sendo falada”, explica Rosssi. O mesmo projeto prevê a construção de um espaço para que as pessoas possam receber orientações de como cuidar melhor da saúde através dos oito remédios naturais.

Pastor Erton Köhler e Domingos Sousa descerram a placa de inauguração da CAM.

A construção do templo e o nascimento do projeto CAM é a materialização de um sonho antigo da Associação Paulista Sul, segundo o presidente e pastor Luiz Araújo. “Nós queríamos atender uma região que não tinha nenhuma instituição adventista ainda. Nosso maior desafio é apresentar a mensagem bíblica para pessoas pós-modernas, que moram em prédios e tem uma rotina agitada”, complementa Araújo.

Semelhante à proposta da Igreja Adventista Nova Semente, localizada no centro de São Paulo, a CAM oferece uma programação diferenciada, com músicas ao vivo, sermões profundos e reflexivos, além da recepção privilegiada para não-adventistas.  De acordo com o pastor que cuida da comunidade, Cesar Camacho, “os visitantes precisam se sentir em casa entre nós. Por isso, temos programações diferenciadas semanalmente para eles”.

Templo tem capacidade para 500 pessoas.

Camacho também conhece bem os hábitos dos moradores da região, já que está há pouco mais de cinco anos atuando no bairro. Aproveitando a ocasião da inauguração, ele realizou o primeiro batismo da CAM.

O fiel e coordenador – também chamado de ancião – da CAM, Wilson Andrade, comemora a inauguração e afirma estar muito feliz por essa conquista. “Esta é uma grande oportunidade de ir além do que fazíamos em outras igrejas”, finaliza. Assim como ele, muitos fieis se comprometerem com o novo trabalho que terão pela frente. [Equipe ASN, Jhenifer Costa]

 

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox