Notícias Adventistas

Igreja propõe integração de PGs e Escola Sabatina

Projeto é realizado em oito países sul-americanos e mobilizou liderança belo-horizontina

Projeto Multiplique Esperança é realizado simultaneamente em oito países da América do Sul

Projeto Multiplique Esperança é realizado simultaneamente em oito países da América do Sul

Belo Horizonte, MG… [ASN] Uma cerimônia realizada no sábado (6), no Catre de Belo Horizonte, em Minas Gerais, desafiou diretores e professores da Escola Sabatina e líderes do Ministério Pessoal a trabalharem em conjunto. A iniciativa, intitulada Multiplique Esperança, é desenvolvida simultaneamente em oito países da América do Sul e tem o objetivo de incentivar a formação de novos Pequenos Grupos (PGs), reuniões semanais de estudo da Bíblia realizadas, em sua maioria, nas residências dos fiéis.

Evento marcou a união da Escola Sabatina com os Pequenos Grupos na região (Foto: Aline Soares)

Evento marcou a união da Escola Sabatina com os Pequenos Grupos na região (Foto: Aline Soares)

Na capital mineira, o programa motivou a formação de PGs a partir das unidades de ação, ou seja, as classes da Escola Sabatina. O objetivo é que os participantes dessas classes passem a se reunir outras vezes por semana para estudar a Bíblia e realizar ações em prol da comunidade onde estão inseridos. “Estamos trabalhando para que estes professores saiam do processo cognitivo de passar a lição e alcancem o status de serem pastores dos seus membros liderando-os para a missão. A intenção de ter unidades de ação como pequenos grupos é para que esta unidade volte a ter vida a partir da missão”, explica o pastor Marcos Santiago, líder de Escola Sabatina e Ministério Pessoal para a região central de Minas Gerais e Triângulo Mineiro (Associação Mineira Central).

De acordo com o pastor Lucas Alves, vice-diretor da Associação Ministerial para oito países da América do Sul (Divisão Sul-Americana), a integração fortalece o discipulado. “A Escola Sabatina, por meio das unidades de ação e os Pequenos Grupos, facilitam o processo de discipulado.  Por isso que é importante ter essas estruturas integradas”, afirma.

O aposentado João Batista Figueiredo é líder do Ministério Pessoal da Igreja Adventista do bairro Jaraguá e ficou entusiasmado com a proposta. “Achei sensacional essa nova formatação de Pequenos Grupos e sonho com o momento em que os fiéis cheguem à igreja e sentem-se juntos como pequeno grupo, acredito que isso vai nos unir mais e possibilitar que a igreja saia para trabalhar pela comunidade”, comenta Figueiredo. [Equipe ASN, Fernanda Beatriz]

Veja galeria de fotos do evento:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox