Notícias Adventistas

Jovens são motivados a criar grupos de ação para atender comunidade

26 de janeiro de 2015

São Paulo, SP… [ASN] Em muitos momentos da história humana foi possível ver uma geração de jovens se levantar para transformar a face da própria história. Recentemente, eventos em todo o globo relembraram deste poder de transformação que os jovens ainda possuem. Em vista disso, ninguém pode duvidar da força da juventude e sua capacidade de movimentar o mundo. É nesse tom de despertamento que nos dias 24 e 25 de janeiro, no Centro Universitário Adventista – Unasp, campus São Paulo, aconteceu a Convenção Jovem 2015, promovida pelo Departamento de Jovens da Igreja Adventista do Sétimo Dia para a região Sul da capital paulista.

Cerca de quinhentos líderes de jovens estiveram no evento para um programa de capacitação, motivação e inspiração. Estavam presentes também os líderes da Associação Paulista Sul, Luiz Carlos Araújo, presidente da APS e Eliéder F. Silva, secretário do campo. Em entrevista à redação, o Pr. Luiz Carlos falou sobre suas expectativas para a juventude e trouxe um dado bastante impressivo ao informar que cerca de metade dos membros da Igreja na região sul de São Paulo, são jovens. Sendo assim há grande expectativa que haja uma juventude comprometida com Deus e em falar de Jesus para salvar pessoas. Ele também ressaltou a importância da Convenção Jovem para orientação dos cerca de 40 novos líderes assim como o fator motivador que o evento tem sobre todos os líderes presentes.

Um Movimento

O tema da convenção durante o ano de 2015 é: Eu sou a mensagem. Uniformizados com esta ideia em suas camisetas os jovens foram incentivados a viver muito além das palavras e ser a própria mensagem do Reino de Deus. Outro ponto importante do evento foi a restauração do significado e sentido do aceno do Jovem Adventista: “Maranata” (Expressão hebraica que é uma declaração da breve volta de Jesus). Afinal, todo movimento precisa de identidade.

Durante a programação foi inaugurado o projeto Comunidade Jovem para todo campo. Um movimento de jovens da Igreja Adventista com alvos claros e demarcados para uma geração que aceitou o chamado de Cristo para Amar, Salvar e Servir. Resumindo nessas três palavras os objetivos deste movimento, o Pr. Alexandre Martins, líder do Ministério Jovem da APS conscientizou os líderes presentes sobre um ministério que vai além de eventos e programações, mas que se volta a uma comunhão real com Deus e uma ação intencional na direção dos homens. Em entrevista a redação, ele afirmou suas expectativas quanto ao evento: “Eu espero que a gente mude alguns conceitos, consiga resgatar outros, mas que eles saiam daqui com o senso de que pertencem a algo que é maior do que eles, mas que é simples de ser feito”, comenta Martins.

Em busca desses objetivos o evento foi bastante dinâmico e contou com a participação ativa de todos. Além de meditações inspiradoras como as do líder de Desbravadores da Associação, Pr. Anderson Ferrantino, e louvores especiais de convidados, o programa também contou com a participação ativa da audiência durante um fórum em que eram discutidos os temas abordados. Os jovens também puderam se manifestar nas redes sociais com a hashtag #AmarSalvareServir postando fotos no Instagram (ex: foto da reportagem) durante o evento e se uniram para por a criatividade e o talento que Deus lhes deu em um momento de criação de projetos de serviço à comunidade. Nasceram ali os Grupos de Ação da Comunidade Jovem. Pequenas células, ou unidades, que darão corpo a este movimento. “O sonho é que com esses grupos de ação a sociedade da nossa região veja a Igreja com outros olhos, e que a Igreja perceba que estender a mão, sendo o braço de Deus para a sociedade, é a salvação da própria vida” explica o Pr. Alexandre. [Equipe ASN, Diego Ignácio Barreto]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox