Notícias Adventistas

Encontro de anciãos e esposas reforça visão do reino de Deus

Os líderes leigos puderam rever o alinhamento da igreja e trocar experiências

Líderes seguiram o guia com princípios bíblicos para a missão e testemunharam de suas atividades locais

 

Porto Alegre, RS… [ASN] O último final de semana foi marcado pelo encontro anual de anciãos e esposas da Associação Sul-rio-grandense (ASR). Durante o sábado, 8 de julho, seis regiões do campo foram até o Instituto Adventista Cruzeiro do Sul (IACS) e no domingo, 9 de julho, os irmãos da região sul se encontraram na igreja central de Pelotas.

A programação foi conduzida pelos pastores da ASR e contou com a presença do pastor Mitchel Urbano, líder de evangelismo para o sul do país. O pastor Mitchel reforçou a visão bíblica a respeito de todos os crentes serem participantes na missão evangelística e trouxe algumas ideias práticas para criar mais envolvimento em torno da comunhão com Deus, do relacionamento com o próximo e dos esforços na missão de pregar o evangelho.

Divisão em grupos facilitou as dinâmicas

Depois do sermão de abertura, os irmãos se dividiram em grupos para estudar o guia Vivendo a Visão do Reino, que é uma apostila com os princípios bíblicos para alinhamento de ações da visão do Cada Um Salvando Um. Ela foi preenchida com a troca de experiências daquilo que é relevante para cada irmão em seu contexto de atividades na igreja local por meio de conversas nos grupos e testemunhos coletivos.

Enquanto os anciãos se reuniram em um ambiente, as esposas estiveram em outro espaço para ter uma parte especialmente voltada a elas. Com sermões aprofundados e palestra com psicóloga, as participantes aproveitaram a interação. Emília Barcelos da Costa comentou que a sua percepção foi ampliada. “Vi que é preciso amar mais, trabalhar mais em um mundo cruel porque pessoas estão morrendo e precisamos ajudar física e espiritualmente. Temos em nossas mãos o poder da oração e precisamos orar mais sozinhos e como igreja”, comenta Costa.

Na ala masculina as opiniões também foram contundentes. Edson Machado da Silva da igreja de Mostardas, que participa há anos de encontros como esse, ressalta que é bom estar presente para aprender um pouco mais: “recebemos ajuda e levamos essa ajuda aos irmãos em nossa igreja para que ela se fortaleça como um todo e possa levar a mensagem de Deus para quem não conhece”.

E Everson Colombo da igreja de Sete de Setembro descreve que a importância do encontro pode ser vista na unidade. “Louvamos a Deus, oramos e assistimos as palestras dos líderes, dos pastores. Recebemos o alinhamento para cada um salvar um e levar essa unidade como grupo para ser ter coesão na obra de Deus dentro das nossas congregações e unidades de escola sabatina”, afirma Colombo.

Para o pastor Milton Andrade, líder da ASR, a palavra-chave é envolvimento. “Buscamos novas ideias para envolver os líderes e assim eles têm condições de envolver os outros em suas atividades nas igrejas locais. Neste encontro trabalhamos o guia Vivendo a Visão do Reino para ampliar e detalhar na prática o que pode ser feito na linha de frente para envolver mais pessoas na escola sabatina, na pregação, no serviço missionário, nas classes bíblicas e em dinâmicas relacionadas com a comunhão, relacionamento e missão”, explica Andrade.  [Equipe ASN, Eduardo Teixeira]

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox